Connect with us

Notícia

Pela Spinnin’, Joy Corporation lança releitura de clássico do Coldplay

Phouse Staff

Publicado há

Joy Corporation Coldplay
Depois de adaptar o hit da famosa banda britânica em cover para as pistas de dança, o DJ mineiro lançou o lyric video da releitura
* Atualizado em 11/12, às 16h29

Em novembro, o DJ e produtor mineiro Joy Corporation lançou o single “The Scientist” pela Source Recordings, subselo da Spinnin’ Records. A canção é de uma releitura do famoso single do Coldplay, que integra o segundo álbum da banda, A Rush of Blood to The Head, de 2002.

Aqui, a música — originalmente bem calma e introspectiva — ganha um tapa para casar melhor com as pistas de dança. Agora, o Joy Corporation abrilhantou o release com o lançamento de um lyric video, cheio de efeitos e animações, pelo canal da Spinnin’ no YouTube.

“Não acreditei muito que seria possível licenciar essa música, por se tratar de um clássico de uma das maiores bandas do mundo. Mas fui em frente e deu certo!”, declarou o artista, via assessoria de imprensa. “Estou muito feliz em lançar esse remake pela Spinnin’. Sempre que a ouvia em algum filme ficava com aquela sensação de que seria interessante fazer uma versão e poder transportar a emoção desse clássico para as pistas e festivais”, acrescentou o DJ.

Confira:

Deixe um comentário

Notícia

Em turnê pela América Latina, Carl Craig volta ao Brasil neste fim de ano

Phouse Staff

Publicado há

Carl Craig Brasil
O expoente do techno de Detroit ajuda a estrear novo clube em Campinas, toca em nova edição de projeto paulistano e retorna ao Warung

Um dos maiores expoentes da cena global do techno, Carl Craig está de volta ao Brasil para uma dobradinha neste final de ano. Depois de ser destaque na primeira edição brasileira do DGTL, o DJ retorna no dia 22, uma sexta-feira, como a grande atração da estreia do clube CAOS, em Campinas — novo empreendimento dos sócios do Club 88. Pela primeira vez na cidade, Craig divide o lineup com Eli Iwasa, Maurício Lopes e Black Sun.

Já no dia seguinte, o ícone de Detroit segue rumo à capital paulista, onde se apresenta na terceira edição da festa Take Me Under — projeto da agência Perfect Life Entertainment, que vem se destacando nos últimos dois anos em São Paulo. Em 2016, o núcleo estreou trazendo a dupla alemã Adana Twins, e neste ano, em outubro, foi uma das paradas da turnê brazuca da ucraniana Nastia.

A festa rola dentro de um hangar no Aeroporto Campo de Marte, a partir das 16h, e além de um long set do americano, conta com Renato Ratier, HNQO, Coppola, Gui Scott X Caio T. (da Gop Tun), Rodrigo Ferrari X Nassi, Morales X Paladino, Back 2 Bass e Alexandre Albini.

Depois de um pulinho no Uruguai, o Carl Craig retorna ao Brasil no dia 26, para um novo set no Warung, antes de encerrar sua turnê sul-americana — e sua agenda de 2017 — na Argentina e no Chile. No clube da Praia Brava, divide o palco novamente com HNQO, além de ANNA, Morgana, Edu Schwartz X Danee e o holandês Patrice Bäumel.

LEIA TAMBÉM:

Novo projeto de Carl Craig ajuda a diluir a resistência popular ao techno

Novo disco de Carl Craig funde techno com orquestra e já pode ser ouvido

Meio Daft Punk e o Carl Craig estão colaborando em uma exposição de arte sobre o Stanley Kubrick

Mais relevante do que nunca, o Warung comemorou seus 15 anos com grandes perspectivas

30 músicas para 30 anos: DJ Mau Mau celebra 3 décadas de carreira com playlist exclusiva

Deixe um comentário

Continue Lendo

Notícia

Pabllo Vittar lança disco de remixes para seu álbum “Vai Passar Mal”

Phouse Staff

Publicado há

Pabllo Vittar remixes
Com a curadoria do expoente underground M Shavozo, “Vai Passar Mal – Remixes” conta com nomes como Zebu, TIN, Seakret e Ruxell

Nessa última sexta-feira, Pabllo Vittar lançou pela Sony Music o disco Vai Passar Mal – Remixes. O disco leva a curadoria do DJ e produtor paulista M Shavozo, um dos maiores nomes do underground nacional.

Entre os artistas que remixaram a cantora estão Enderhax, Seakret, Zebu, TIN, Junior Fernandes, Ruxell & Atman, entre outros. Algumas versões são mais pesadas e vêm na esteira do future bass, como “Nêga”, remixada por Gran Fran. Já outros sons são extremamente dançantes e prontos para o verão, como “Então Vai”, repaginada pela dupla DKVPZ, e “Tara”, em que aparecem o DJ Chernobyl e seu irmão Nando Endres. O disco ainda conta com o lançamento oficial do single “Open Bar”, a versão “samba” do hit “Lean On”, que chamou a atenção do Diplo em 2015.

A curadoria feita pelo DJ M Shavozo monta um retrato fiel da cena eletrônica nacional contemporânea, que possui produtores em várias vertentes, alinhados com um cenário global e com qualidade internacional.

O DJ é um dos nomes que agitam o underground nacional com seu “selo Shavozo de qualidade” nas redes sociais, onde posta sons recém-lançados de nomes promissores do Brasil.

Pabllo Vittar segue sua crescente impressionante. Depois de se apresentar com Fergie no Rock In Rio, ser um dos destaques do último Prêmio Multishow e acumular números impressionantes no Spotify, ela recentemente gravou um videoclipe na Bahia para um lançamento com Lucas Lucco, estará presente no novo disco da Charli XCX, e atualmente é a drag queen com mais seguidores nas redes sociais. Nesse último domingo, Pabllo esteve no Domingão do Faustão, onde recebeu o prêmio de Música do Ano por “K.O.”.

LEIA TAMBÉM:

Com muito grave, dupla carioca lança remixes oficiais para Pabllo Vittar

No Brasil, Diplo toca “Sua Cara” ao vivo com Anitta e Pabllo Vittar

Major Lazer lança música com Anitta e Pabllo Vittar; ouça aqui

Tin e Zebu fazem releitura de clássico que foi hit nos anos 2000

A música eletrônica começa a conquistar a TV brasileira

Deixe um comentário

Continue Lendo

Notícia

Confira os nomes mais populares do Beatport em 2017

Phouse Staff

Publicado há

Beatport 2017
Site revela os rankings de faixas, artistas e selos que mais bombaram no famoso portal de compra de música eletrônica neste ano

O BeatStats revelou recentemente as faixas, os artistas e os selos mais populares do Beatport em 2017. Nos rankings, predominam o techno e o tech house, gêneros que vem numa crescente nos últimos anos, e que agora aparecem com artistas como Pig&Dan e selos como a Drumcode de Adam Beyer e a Defected.

O grande nome das listas é o duo britânico Camelphat, que levou o primeiro e segundo lugar das faixas mais populares do ano, e também consta no topo do ranking de artistas mais populares. Outro destaque é o brasileiro Victor Ruiz, também presente neste Top 10.

As listas são baseadas por número de vendas no portal, e são atualizadas diariamente. Confira a fotografia dos charts até o momento desta publicação:

Faixas mais populares do Beatport em 2017:

1. Camelphat & Elderbrook – Cola
2. Camelphat – Hangin Out With Charlie
3. Alex Kenji – My Babe (Me & My Toothbrush Remix)
4. Dennis Cruz – Mad
5. George Kranz & Claptone – The Drums
6. Josh Butler & Bontan – Call You Back
7. Fisher (Oz) – Ya Kidding
8. Age Of Love – The Age Of Love (Solomun Renaissance Remix)
9. Juliet Sikora & Return Of The Jaded – Did You Take My Money
10. Green Velvet & Prok & Fitch – Sheeple

(Veja o Top 100 aqui)

Artistas mais populares do Beatport em 2017:

1. Camelphat
2. Dennis Cruz
3. Green Velvet
4. Patrice Baumel
5. Detlef
6. Riva Starr
7. Enrico Sangiuliano
8. Julian Jeweil
9. Victor Ruiz
10. Bontain

(Veja o Top 100 aqui)

Selos mais populares do Beatport em 2017:

1. Drumcode
2. Relief Records
3. Spinnin’ Records
4. Hot Creations
5. Defected
6. Suara
7. Toolroom Records
8. Diynamic
9. Stil Vor Talent
10. Pornostar Records

(Veja o Top 100 aqui)

LEIA TAMBÉM:

Beatport adiciona novas subcategorias de bass music em seu catálogo

Pelo segundo ano consecutivo, o techno é o gênero mais vendido do Beatport

Indústria da dance music cresce em 3%; confira o relatório anual do IMS

IMS Ibiza anuncia tema e parte da programação para 2018

Dopping virtual: como a compra de plays prejudica o mercado da música

Deixe um comentário

Continue Lendo

Trending

-->

Copyright © 2018 Phouse