Strict Standards: Declaration of GFZapierTable::prepare_items() should be compatible with WP_List_Table::prepare_items() in /usr/share/nginx/html/wp-content/plugins/gravityformszapier v1.0/zapier.php on line 797

Deprecated: mysql_escape_string(): This function is deprecated; use mysql_real_escape_string() instead. in /usr/share/nginx/html/wp-content/themes/phouse17b/functions.php on line 60

Strict Standards: Non-static method GFZapier::get_base_path() should not be called statically in /usr/share/nginx/html/wp-content/plugins/gravityformszapier v1.0/zapier.php on line 58
O antes, o agora e o futuro de um prodígio Carioca

O antes, o agora e o futuro de um prodígio Carioca

Após lançar videoclipe para o hit “Carioca”, estampando a capa do site da Billboard, o jovem prodígio brasileiro conversou exclusivamente com a Phouse e falou sobre os planos para sua carreira a partir deste ano.

De acordo com Lucas Bojakowski, nome por trás do projeto artístico JAKKO, o seu último semestre foi dedicado especialmente para redesenhar toda estratégia de carreira, que agora passa por uma transição muito interessante, com uma ambição de alcançar vôos ainda maiores.

Para quem não lembra, a história do Jakko começou nos meados de 2014, época em que também lançou uma versão de progressive house para “A Sky Full Stars”, faixa que em poucos dias de lançada alcançou os ouvidos/sets dos chefões do gênero; Nicky Romero e Hardwell.

Relembre abaixo “A Sky Full Stars”, um dos primeiros lançamentos do artista:

 

A partir disso, logo veio sucessivas tracks por grandes gravadoras como Armada Music, Protocol, Staar Traxx, Enhanced e Revealed. Entre os seus trabalhos já lançados estão  “Lighthouse”, “Aminia”, “Galaxy” , “Hold On”, “Amazon”, “Sail Your Heart” e muitas outras.

Jakko também foi vencedor de um remix contest do Thomas Gold que o levou para tocar no festival TomorrowWorld, em Atlanta, Estados Unidos. Além disso, o reconhecimento como bom artista e produtor também lhe rendeu apresentações memoráveis em grandes festivais pelo Brasil, ao exemplo do Tomorrowland e Lollapalooza.

Abaixo você confere a entrevista completa e no final da matéria o videoclipe da faixa “Carioca”, em parceria com Joe Kinni e vocais da Bianca Chami.

“Uma ilusão de optica pode fazer o impossível parecer possível, como uma mágica. Nesse paradigma, JAKKO recria marca inspirada em Triângulos de Penrose – um objeto impossível – e convida todos para embarcar com ele em um mundo sem limites, onde o impossível é possível.”

Em que momento está sua carreira?

Passei os últimos 6 meses em laboratório redesenhando a estratégia da minha carreira como um todo para me reposicionar. Montamos um plano com visão de longo-prazo, onde abordamos desde os aspectos de produção musical, marca, promoção e divulgação, label affairs, assuntos financeiros e jurídicos. Estamos em um momento de profissionalização da carreira e operação como um todo.

Quais são seu planos futuros?

Busco me posicionar como um produtor musical completo, não se limitando a estilo ou gênero. Quero levar minha música para todos os meios fonográficos e audiovisuais possível, seja entretenimento, radio, televisão, cinema, teatro ou o que mais for possível. Estou em um fase de exploração e experimentação com diferentes sonoridades de diversas influências musicais. Acredito muito na fusão do eletrônico com outros vertentes musicais e que ainda se tem muita a explorar e criar em cima dessas mesclas. Nessa linha, venho buscando e encontrando minha identidade, esse ano tem muita novidade.

O que mudou?

Mudou bastante coisa, como mencionei, a partir do ponto de vista da profissionalização do produto artístico tudo começa a mudar. O planejamento é mais bem pensado, estruturado e executado. Com métricas, acompanhamento, e reavaliação do direcionamento. Estamos trazendo muitas metodologias do mundo de start-up para acelerar minha carreira. Em relação a produção, é como falei, hoje busco os extremos, as mesclas não pensadas, e a partir daí vou lapidando para algo que seja único e acessível ao ouvinte. Quero realmente experimentar, não me prender a nenhum som, sou muito novo e este é o momento da minha carreira para fazer isso.

Como você vê a cena eletrônica hoje e sua inserção?

A cena hoje está em uma crescente muito boa. Vemos muitos talentos surgindo e um leque de produção muito interessante. Acredito que o caminho para todos é a profissionalização da carreira. Vejo nossa posição hoje muito favorável para se inserir a frente do mercado. Tenho uma equipe forte em que acredito e com parceiros globais estratégicos para o desenvolvimento artístico e de repertório.

Confira abaixo o videoclipe de “Carioca”: 

Confira também o set Brazilian Summer Mix, do Jakko:

 

 

Deixe um comentário