15 anos de AIMEC: escola celebra aniversário em Curitiba

Maior rede de escolas de DJs do Brasil vai comemorar a data especial nesta sexta-feira, no Club Vibe

* Por Danilo Bencke

** Edição e revisão: Flávio Lerner

Maior rede de escolas de DJs e produtores musicais do Brasil, a AIMEC está debutando. São 15 anos de ensino que mudaram a vida de muita gente e ajudaram a transformar sonhos em realidade. Foi uma longa jornada de evolução que contribuiu muito para fomentar e consolidar a cena eletrônica no país.

Neste mês de setembro, a escola comemora seu 15º aniversário na casa que sempre a acolheu, o Club Vibe, em Curitiba. A festa, que acontece nesta sexta-feira, a partir das 23h, promete reunir diversos professores, alunos e parceiros que foram importantes para esses 15 anos de história da academia, coroando essa linda jornada — que está apenas no início — com uma noite inesquecível. Bry Ortega (live), Jayboo, Drunky Daniels, Loudtech, Sound Cloup, Cupcake Project & Alonso Figueroa e Popson & Fefo formam o lineup.

O que viria a ser a Academia Internacional de Música Eletrônica surgiu de forma despretensiosa, através de uma ação conjunta com a então AICC (Academia Internacional de Cinema de Curitiba, hoje AIC — Academia Internacional de Cinema) na capital paranaense em 2004. A escola foi criada pelos sócios Ilan Kriger, Rafael Araújo, Rafael Gadotti e Leonardo Arlant. Naquela época, a equipe era formada por oito professores (Ilan, Araujo, Gadotti, Leozinho, Raul Aguilera, Beto Larski, Pacelli e Carioca). As primeiras turmas já foram um grande sucesso e cerca de 80 alunos lotaram os dez horários disponíveis. 

Nos anos seguintes, veio uma série de novidades para a escola de Curitiba. Abriram-se filiais nas cidades de Balneário Camboriú em 2006 e Campinas em 2007, e a partir daí surgiu um novo modelo de negócios para a AIMEC: a abertura de novas escolas. Hoje, possui oito sedes pelo Brasil (BC, Campinas, Curitiba, Florianópolis, Joinville, Maringá, Porto Alegre e Rio de Janeiro) e uma em Lisboa, Portugal. 

LEIA TAMBÉM:

A Academia é responsável por uma grande revolução no mercado da música eletrônica brasileira, passando adiante sua ideologia para milhares de alunos por ano, formando não só DJs e produtores, como também um público consumidor de música muito mais crítico e exigente. A AIMEC criou inúmeros cases de sucesso, profissionais que hoje alimentam a cena eletrônica do Brasil todo.

Sua interpretação da arte da discotecagem e da cultura eletrônica, junto com seu material didático e pedagógico, lhe renderam o título de Melhor Escola/Curso para DJs do Brasil, segundo os prêmios do Brazil Music Conference (à época, Rio Music Conference) de 2011, 2012, 2013, 2014 e 2016. Vida longa à AIMEC!

Danilo Bencke assina a coluna da AIMEC na Phouse.

Share on facebook
Compartilhar no Facebook
Share on twitter
Compartilhar no Twitter
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

Quer aprender a produzir a sua própria música?

Compre agora o curso Make Music Now com 10% de desconto na inscrição e soundbank do Studio Tronnic para Sylenth1 grátis!.