Screen Shot 2015-11-26 at 16.04.31

Álbuns que você deve ouvir antes de 2015 acabe #2

Continuando a nossa saga de álbuns que você deve ouvir antes que 2015 acabe, já que 2016 promete e você não quer ficar por fora do que realmente surgiu de melhor neste ano que está terminando. Então que comecem os trabalhos com…

“Sugar” do Robin Schulz

Sugar - Robin Schulz
(Lançamento: 25 de Setembro)

Desde que o estourou com o remix para “Waves” do Mr. Probz, o DJ/Produtor alemão Robin Schulz se tornou uma das grandes referências de deep house no mundo. Por isso era de se esperar que seu álbum de estreia, chamado “Sugar”, se tornasse um ícone deste gênero que cresceu tanto nos últimos dois anos.

Mas “Sugar” vai além, e consegue simplesmente mostrar a diversidade produtiva que Robin escondia por trás de bons remixes. Tudo bem que para as pessoas que apenas ouviram o single que dá nome ao álbum, ele é o mesmo Robin Schulz de sempre.

E é aí que a surpresa surge ao conhecer o álbum ao todo! Faixas como “Titanic” – possível novo single – e Yellow mostram que Robin pode dar passos fora do deep sem deixar de ser deep. Algo que transforma “Sugar” em um álbum daqueles que você pode ouvir em várias ocasiões, inclusive deixar tocando enquanto faz uma socialzinha com amigos. Trilha sonora nota 10.

Escute “Sugar”

“Small Talk” do MNEK

(Lançamento: 23 de Março)
(Lançamento: 23 de Março)

Em 2016 o nome MNEK será um dos mais aclamados na música eletrônica. Afinal, o britânico com descendência nigeriana Uzo Emenick é um dos maiores hitmakers da atualidade.

Gente como Duke Dumont, Oliver Heldens, Kylie Minogue, Disclosure, Bastille, Gorgon City tem hits criados por esse cara que tem apenas 21 anos. Tanto que o cara foi disputado por grandes gravadoras por meses, até a Virgin levar a batalha e fechar contrato com ele. Daí veio então o EP de seis faixas que serve como idéia do que esperar do seu álbum de estreia.

“Small Talk” é completo em todos os sentidos! Suas 6 faixas conseguem ser disco, dance, comercial, hits e underground de uma forma incrível. Talvez boa parte disso seja porque o material todo é feito milimetricamente por MNEK. Ou seja, ele compôs, produziu, cantou, remixou e decidiu quais faixas deveriam entrar no EP sem qualquer palpite da gravadora e de seus viciados em verdinhas.

Em 2016 o cara promete um álbum de 16 faixas inéditas e com grandes participações. Entre elas Calvin Harris e Jess Glynne.

Mas por hora pega “Small Talk”, o super EP de Edm do MNEK.

SIGA A PHOUSE:
INSTAGRAM | TWITTER | FACEBOOK | SPOTIFY

Share on facebook
Compartilhar no Facebook
Share on twitter
Compartilhar no Twitter
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

RECEBA NOVIDADES

ÚLTIMAS NOTÍCIAS