Alok e ANNA

Alok e ANNA são indicados ao 34º International Dance Music Awards

As 30 categorias do IDMA 2020 estão abertas para voto popular até o fim de fevereiro

O International Dance Music Awards revelou os indicados para suas 30 categorias de sua 34ª edição, e como sempre, tem brasileiro no páreo. Desta vez, são Alok e ANNA que vão tentar trazer os prêmios para o nosso país.

A DJ, que parece estar mais em alta do que nunca na gringa, está concorrendo na categoria de Melhor Artista Feminino (Techno), ao lado de Amelie Lens, Charlotte de Witte, Deborah De Luca e Nina Kraviz. Foi Nina quem levou a melhor sobre ANNA em 2018, na extinta categoria de Melhor Artista Feminino (Underground).

Já Alok, indicado no ano passado como Melhor Artista Masculino (Pop/Eletrônico), desta vez concorre com uma de suas produções. Seu remix para o hit “Piece Of Your Heart”, do Meduza, lançado em junho, está no páreo, disputando o título de Melhor Remix com ARTBAT (para “Return To Oz”, do Monolink), Robin Schulz (para “Monster”, de LUM!X e Gabry Ponte), Chase & Status (para “Original Nuttah 25”, de UK Apache & SHY FX) e Tracy Young (para “I Rise”, da Madonna — remix premiado no último Grammy).

As categorias da indústria…
…e as categorias de artistas

O 34º IDMA mais uma vez se divide entre as indicações da indústria, selecionadas por uma comissão especializada, e as categorias de artistas, cujos nomes são escolhidos por dados da Viberate — o que, segundo o site da premiação, serve para trazer credibilidade com indicações “baseadas em uma popularidade verdadeira e livre dos favoritismos e vícios políticos da indústria”.

A votação pública pode ser realizada até o dia 28 de fevereiro, e os vencedores serão revelados em 19 de março. Você pode ver todos os indicados e votar nos seus favoritos no site oficial.

CONFIRA TAMBÉM:

SIGA A PHOUSE:
INSTAGRAM | TWITTER | FACEBOOK | SPOTIFY

Share on facebook
Compartilhar no Facebook
Share on twitter
Compartilhar no Twitter
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

RECEBA NOVIDADES

ÚLTIMAS NOTÍCIAS