Anhanguera
Foto: Reprodução
* Edição e revisão: Flávio Lerner

A cena eletrônica brasileira possui cada vez mais representantes, formando um concorrido mercado que exige dos artistas um perfil original que destoe da grande maioria para obter destaque. Quem sabe muito bem disso é o duo Anhanguera, projeto que está celebrando mais de 15 anos de carreira repletos de sucesso, fruto do talento da dupla que, ano após ano, conquistou os ouvidos e o coração de diferentes gerações.

Formado por Dudu Palandre e Décio Freitas, o Anhanguera carrega em sua essência a musicalidade alegre, vibrante e dançante — identidade que reflete muito bem o estilo das pistas brasileiras —, retrato de suas muitas influências e do rico conhecimento musical. Seus sets mesclam referências disco/funky/old school com o groove característico da clássica e verdadeira house music criada em Chicago. Com um importante papel à frente da disseminação do movimento por aqui, o duo se transformou em uma verdadeira referência nacional, influenciando hoje novos DJs do gênero que buscam conquistar seu lugar ao sol.

As produções envolventes de Décio e Dudu já alcançaram as principais labels do mercado. Uma de suas conquistas mais importantes foi obtida no ano passado com a faixa “Cirandisco”, presente no VA This Ain’t No Disco, lançado pela Glitterbox, sub label da poderosa Defected Records, considerada uma das maiores e mais respeitadas gravadoras de house do mundo. A música conquistou o primeiro lugar no chart de nu disco da Traxsource, uma das principais lojas virtuais do gênero. Outros selos também já reconheceram e deram suporte para o talento da dupla, como Robsoul, Magnetic, Monoside, Guesthouse, InStereo, Tango e LW Recordings.

O trabalho dos brasileiros para a construção de uma identidade sonora única também já foi reconhecido por grandes players internacionais: DJ Sneak, Sidney Charles e Sonny Fodera são alguns nomes que figuram na lista de faixas que foram remixadas para o Anhanguera. Também não há como esquecer o histórico B2B da dupla com Derrick Carter em abril de 2015, que não se contentou em apenas fazer sua apresentação solo durante uma Freak Chic no D-EDGE e subiu ao palco para proporcionar um set inesquecível aos que estavam na pista.

A sonoridade que é construída cuidadosamente atrás das picapes por Anhanguera já ecoou além da fronteira brasileira. Importantes cidades na Europa como Praga (República Checa), Catânia (Itália), Manchester (Reino Unido) e Gante (Bélgica) são algumas que já receberam o som do Anhanguera, além da famosa Winter Music Conference, em Miami.

Assim, Dudu e Décio formam hoje um dos principais destaques da house music brasileira, e certamente um dos maiores responsáveis pela disseminação do gênero em nível nacional. Torcemos para que essa celebração de 15 anos seja apenas uma pequena parte de tudo o que a dupla ainda pode proporcionar, seja através de seus lançamentos ou da mixagem contagiante que costuma mexer com o dancefloor.

* Marllon Gauche é colaborador da Phouse.

Receba novidades no e-mail

Receba o melhor da Phouse em seu email!

:::. ALEATÓRIAS / LEIA TAMBÉM

Segundo portais, Pioneer deve sair do mercado de hardware para DJs

A retirada representaria uma perda enorme para DJs do mundo todo

Fã disponibiliza 1º show da nova tour do Swedish House Mafia

Primeira data na Tele2 Arena pode ser conferida na íntegra

DGTL São Paulo contrastou lineup impecável com serviço amador

Festival teria tudo para ser um dos rolês do ano se não fosse tão mal organizado

Experimentalismo de arrepiar: ouça o primeiro EP do paulista Urro

Alter ego do paulista Silenzo traz originais e remixes de Epiphania e VAntonio

Tomorrowland começa a divulgar segunda fase do lineup

Mais 16 artistas foram acrescentados para o time de atrações deste ano

JØRD inicia nova fase da carreira com “So Wrong”

Som é considerado o lançamento mais importante de JØRD até hoje

Treta: CHVRCHES cobra marshmello por colaborar com Chris Brown e Tyga

Cantor reage, e sua base de fãs faz comentários raivosos e ameaças de morte ao trio escocês

ILLUSIONIZE estreia na Dirtybird com “melhor música que já fiz”

“This Is My Flow” faz parte do projeto de expansão internacional do artista

Diplo mistura house com country em novo projeto

Produtor entrega primeiro single de “Thomas Wesley”, álbum que leva seu nome de batismo

Eric Prydz remixa hit underground de 2018

“Breathe”, de CamelPhat e Cristoph, é reconstruída pelo boss da Pryda