Connect with us
Banner Sundance Leaderborder
Federal Leaderborder

Análise

Quem é o prodígio do techno que representa o Brasil na Red Bull Music Academy 2018

Alan Medeiros

Publicado em

19/04/2018 - 14:06
Benjamim Sallum
Foto: Reprodução
O paulistano Benjamim Sallum foi o único brasileiro selecionado para a academia neste ano
* Edição e revisão: Flávio Lerner

Muito se fala sobre a falta de apoio das marcas para o universo da música eletrônica conceitual. Na contramão desse quase senso comum está a Red Bull, com suas diversas iniciativas que variam entre um grande festival por algumas das maiores metrópoles do planeta e a Red Bull Music Academy, um dos seus projetos mais interessantes, que consiste em uma oficina de estudos para talentos emergentes de todas as partes do mundo.

Em 2018, a RBMA terá uma edição muito especial em Berlim, epicentro mundial da música eletrônica. Especial porque a academia comemora seu 20º ano. Fundada em 1998, a iniciativa cresceu muito ao longo dessas duas décadas, revelando colossos a nível mundial, como Nina Kraviz, Flying Lotus, Aloe Blacc, Hudson Mohawke e brasileiros como Eli Iwasa [que ontem relembrou à Phouse a experiência da turma de 2003], Pedro Zopelar e Carrot Green. O retorno do evento à capital alemã terá 61 produtores de 31 nacionalidades diferentes, que ficarão imersos entre os dias 08 de setembro e 12 de outubro para uma série de workshops, palestras, sessões em estúdio e programas noturnos com alguns dos maiores nomes do universo musical.

O selecionado brasileiro foi Benjamim Sallum, jovem produtor paulistano de apenas 17 anos, que ficou conhecido no circuito underground da capital por conta de suas apresentações em festas independentes como Capslock e Mamba Negra — e isso já pelo menos desde 2016, quando tinha só 15 anos. Além do seu projeto solo como produtor de techno e ambient, bastante experimental, também tem chamado atenção por conta do duo My Girlfriend is Programming the Roland TR-909, Making a House Beat (ou apenas My Girlfriend), formado com o experiente Zopelar (que foi aluno da academia da Red Bull em 2014, na edição de Tóquio).

Por sinal, Pedro e L_cio — dois dos maiores expoentes da cena techno de São Paulo — são considerados os “descobridores” deste jovem talento, que hoje se apresenta em diferentes formatos e já comanda seu próprio selo, o OXI. Desde muito cedo, o Benja, como é conhecido, já chamava a atenção dos grandões com suas experimentações em lives na efervescente noite paulistana, e agora também convenceu os exigentes curadores da RBMA, que garimpam anualmente os alunos em um oceano de milhares de aplicações vindas dos quatro cantos da Terra.

Podcast do My Girlfriend para a rádio da Gop Tun

O interesse pela música vem de berço. Benjamim é filho da conhecida promoter Claudia Pinheiro, e por isso desde muito cedo já entrou em contato com a música eletrônica — e olha que isso nem é papo de bio fajuta, hein! Com a Academy, Sallum deve ganhar maturidade e personalidade artística para encarar os inúmeros desafios que uma vida artística em alto nível apresenta. Há também a possibilidade de estar em contato com diferentes perspectivas sonoras, já que cada participante traz algo bastante peculiar e único.

Tão jovem e já tão cheio de potencial, referências, admiradores, apoiadores e em contato com o que há de mais revigorante na música, só Deus sabe onde esse garoto pode chegar.

Alan Medeiros é colaborador eventual da Phouse.

LEIA TAMBÉM:

Eli Iwasa lança mix para série com ex-alunos da Red Bull Music Academy

Confira a coletânea dos alunos de 2015 da Red Bull Music Academy

Famoso edit de clássico de Chico Buarque ganha lançamento oficial

Aposta da Armada, Nato Medrado acompanha tour de Armin van Buuren

Lúdico, subversivo e impactante: conheça o universo de Carlos Capslock

RECEBA NOVIDADES NO E-MAIL

Deixe um comentário

Notícia

Rock in Rio anuncia datas para 2019

Festival será no segundo semestre do ano que vem

Phouse Staff

Publicado há

Rock in Rio 2019
Foto: Reprodução

A produção do Rock in Rio anunciou hoje as datas para sua próxima edição em solo nacional. O bombado festival carioca vai rolar nos dias 27, 28 e 29 de setembro e 03, 04, 05 e 06 de outubro de 2019. O local será o mesmo deste ano: o Parque Olímpico, na capital fluminense.

A única atração confirmada até este momento é Anitta. Além disso, outra novidade é o chamado “Espaço Favela”, que deve trazer uma programação voltada ao funk carioca. O palco eletrônico, desta vez, será assinado pelo empresário Claudio da Rocha Miranda Filho (sócio-diretor do Brazil Music Conference), que assume a direção artística do espaço.

As vendas do Rock in Rio Card (uma espécie de “early bird tickets”) abrem no dia 12 de novembro, a partir das 19h, pelo ingresso.com.

LEIA TAMBÉM:

Fundador do Rock in Rio anuncia novo festival para o ano que vem

Empresário se diz desmotivado para continuar com o Rock in Rio no Brasil

Maior e com nova cenografia: Rock in Rio revela projeto do palco eletrônico

ODESZA surpreende com “balé de drones” no Coachella

Fundador do BRMC fala sobre mudança para SP e os 10 anos da conferência

Continue Lendo

Notícia

Aftermovie do Ultra traz imagens inéditas do Swedish House Mafia

Ingressos para a edição de 2019 já estão à venda

Phouse Staff

Publicado há

Ultra Aftermovie 2018
Foto: Screenshot

Depois de alguns filmes menores, a produção do Ultra Music Festival enfim liberou o aftermovie oficial e em alta qualidade da sua edição especial de 20 anos.

Em quase 15 minutos, o filme dirigido por Charly Friedrichs traz aquele roteiro que já estamos acostumados, ilustrando bem os momentos de chegada, desenvolvimento (com seus mais diversos palcos) e final apoteótico do festival, com highlights tanto nos artistas quanto no público que fez a festa naqueles três dias de março.

+ CLIQUE AQUI para ler mais notícias sobre o Swedish House Mafia

O final, como não poderia deixar de ser diferente, traz diversas cenas de um dos momentos mais importantes para a cena EDM no ano: o retorno do Swedish House Mafia. O vídeo intercala imagens de fãs acompanhando a transmissão ao vivo pelo mundo inteiro com cenas inéditas da apresentação dos três suecos — que agora, além de momentos de bastidores, podem ser vistos bem de pertinho, diferentemente do live stream.

Curiosamente, a trilha das cenas finais não é “Don’t You Worry Child”, “Save the World” ou qualquer outro som dos caras, mas “Tim”, o som feito por ARTY para homenagear Avicii. E casou muito bem. Assista: 


Além do aftermovie, o Ultra iniciou hoje as vendas para a edição de 2019. A situação de impasse em relação ao Bayfront Park está marcada para ser resolvida nesta quinta-feira, 27 — isto é, se não for adiada mais uma vez.

Para quem está pensando em embarcar nessa viagem, confira aqui os pacotes da GoFestivals.

Tracklist do aftermovie:

  1. Yves V & Futuristic Polar Bears – Running Wild (feat. PollyAnna)
  2. Kid – Piñata
  3. Armin van Buuren feat. Conrad Sewell – Sex, Love & Water (Sunnery James & Ryan Marciano Remix)
  4. Reebs – Back Again 
  5. Toby Green – Control
  6. Adam Beyer & Bart Skils – Your Mind
  7. FISHER – Losing It
  8. Magnificence & Steff da Campo – Out Of My Mind 
  9. Nicky Romero – Duality
  10. ARTY – Tim

LEIA TAMBÉM:

Ultra Miami abre pré-registro para 2019

Comissão que decide o futuro do Ultra Miami é adiada

Edição de 20 anos do Ultra foi boa, mas entregou menos do que prometeu

Arty homenageia Avicii em novo single; escute “Tim”

Swedish House Mafia “de volta pra valer”

Continue Lendo

Notícia

Doozie e MOJJO remixam hit colombiano

“Soy Yo” foi um dos destaques do game “FIFA 16”

Phouse Staff

Publicado há

Soy Yo
Foto: Reprodução

Expoentes nacionais, Doozie e MOJJO se juntaram para lançar um remix destruidor de “Soy Yo” — hit da banda colombiana Bomba Estéreo, que acabou conquistando o mundo ao integrar a trilha do game FIFA 16

Conservando a melodia original — o que inclui o vocal de Li Saumet e o famoso riff de flauta —, os produtores brasileiros imprimiram um ritmo ainda mais dinâmico e dançante, auxiliado por uma batida houseira frenética e uma bassline cheia de groove.

Segundo a assessoria, a ideia surgiu como uma brincadeira do Doozie, que é muito fã da franquia FIFA, reconhecida há anos não apenas por simular partidas de futebol no videogame, mas também por sua curadoria musical. Aos poucos, essa brincadeira foi ficando séria, e acabou virando esse remix oficial, lançado pela Sony Music. Ouça e compare com a original logo abaixo.

LEIA TAMBÉM:

Ouça “Can I”, o mais novo som do Doozie

Com faixa de Doozie, Jade Baraldo lança EP de remixes do hit “Brasa”

Bhaskar e MOJJO remixam faixa de Lost Frequencies com James Blunt

LOthief e Mojjo lançam releitura para o hit “Like a G6”

Trilha do “FIFA 19” traz Gorillaz, LSD e Peggy Gou

Continue Lendo

Publicidade

Sundance (300×250)
Federal Music 300×250

Facebook

PLAYLIST

Trending

-->

Copyright © 2018 Phouse

Translate »
Sundance Pop Up