Connect with us
Banner Sundance Leaderborder
Go Festivals – Tomorrowland Winter Full
Green Valley Dez. Full

Notícia

Chainsmokers e Zedd lideram charts de dance music no 1º semestre de 2018

Phouse Staff

Publicado em

16/07/2018 - 19:21
Billboard charts
Foto: Reprodução
Billboard revelou as músicas mais tocadas e vendidas até agora no ano

A Billboard divulgou na última semana seu relatório semestral das paradas de dance music. The Chainsmokers e Zedd foram os artistas que mais se destacaram nas categorias “álbuns” (que também inclui EPs) e “singles”, respectivamente. Os charts são baseados em dados contabilizados entre 27 de dezembro do ano passado e 28 de junho deste ano.

Os Chainsmokers lideram o ranking de álbuns mais populares (que conta não apenas vendas físicas e digitais, mas também número de plays) com Memories… Do Not Open, e ainda emplacaram dois EPs entre as cinco melhores colocações: Collage, em terceiro lugar, e Sick Boy, em quarto. Em números, os discos “venderam” 161 mil, 114 mil e 106 mil cópias, respectivamente (o número de vendas aqui também leva em conta uma conversão de número de streamings). Veja como ficou a lista dos álbuns mais populares deste primeiro semestre:

1. The Chainsmokers, Memories… Do Not Open (161 mil)
2. Calvin Harris, Funk Wav Bounces Vol. 1 (129 mil)
3. The Chainsmokers, Collage (EP) (114 mil)
4. The Chainsmokers, Sick Boy (EP) (106 mil)
5. Lady Gaga, The Fame (101 mil)
6. Above & Beyond, Common Ground (91 mil)
7. Odesza, A Moment Apart (84 mil)
8. Kygo, Kids In Love (76 mil)
9. Avicii, True (67 mil)
10. Gorillaz, Demon Days (60 mil)

Já na lista de álbuns mais vendidos, a liderança é do trio Above & Beyond, que lançou Common Ground no começo deste ano. É curioso notar, entretanto, como a grande maioria dos discos mais vendidos é mais antiga (assim como no chart acima), com muitos lançamentos da década passada.

1. Above & Beyond, Common Ground (79 mil)
2. Gorillaz, Demon Days (21 mil)
3. Lady Gaga, The Fame (19 mil)
4. Various Artists, Now That’s What I Call a Workout 2018 (17 mil)
5. Odesza, A Moment Apart (14 mil)
6. The Chainsmokers, Memories… Do Not Open (14 mil)
7. Daft Punk, Discovery (14 mil)
8. Various Artists, Now That’s What I Call Hits & Remixes 2018 (12 mil)
9. Lindsey Stirling, Brave Enough (11 mil)
10. Daft Punk, Random Access Memories (10 mil)

Em termos de singles, o grande vencedor deste primeiro semestre é Zedd, que emplacou seu single “The Middle” na primeira colocação por 23 semanas. A música é uma collab com Maren Morris e Gray e foi o single de dance/eletrônico mais vendido de 2018 até agora. Com 621 mil unidades, a produção tem quase o triplo de aquisições se comparada a “Wolves”, de marshmello e Selena Gomez, que ficou em segundo lugar. Zedd ainda aparece também na décima posição, com o hit “Stay”.

1. Zedd, Maren Morris & Grey, “The Middle” (621 mil)
2. Selena Gomez x Marshmello, “Wolves” (213 mil)
3. Hailee Steinfeld & Alesso feat. Florida Georgia Line & Watt, “Let Me Go” (165 mil)
4. The Chainsmokers & Coldplay, “Something Just Like This” (144 mil)
5. Calvin Harris & Dua Lipa, “One Kiss” (140 mil)
6. Sofi Tukker feat. NERVO, The Knocks & Alisa Ueno, “Best Friend” (127 mil)
7. Marshmello feat. Khalid, “Silence” (114 mil)
8. The Chainsmokers feat. Halsey, “Closer” (64 mil)
9. Avicii, “Wake Me Up” (62 mil)
10. Zedd & Alessia Cara, “Stay” (59 mil)

“The Middle” também fatura a primeira posição nos charts de músicas mais tocadas (combinando áudio e vídeo) e de músicas mais tocadas (apenas áudio). Você pode conferir mais detalhes na Billboard.

RECEBA NOVIDADES NO E-MAIL
[fbcomments]

Notícia

Plataforma apresenta grande levantamento sobre os festivais brasileiros

Sympla apresentou os números no último SIM São Paulo

Phouse Staff

Publicado há

Dekmantel Brazil
Última edição do Dekmantel São Paulo. Foto: Ariel Martini/Divulgação

A plataforma de eventos Sympla apresentou durante o último SIM São Paulo — que rolou na última semana, entre os dias 05 e 09 de dezembro — um levantamento de dados dos festivais de música brasileiros. A informação saiu no site do Projeto Pulso.

Segundo o site, são mais de 1.928 festivais distribuídos no país (número que corresponde à quantidade de eventos analisados). O estudo os segmentou em três categorias de tamanho — pequeno porte (em torno de 300 frequentadores), médio porte (entre mil e dez mil frequentadores) e grande porte (mais de dez mil frequentadores) — e em oito categorias de gênero musical: multigênero, eletrônico, rock, sertanejo, rap & hip-hop, funk, MPB & samba e outros (com destaque para o jazz e o forró).

+ Estudo mostra que 70% do público se incomoda com o uso de celulares para filmar festas e shows

+ Site publica estudo inédito com selos brasileiros de música eletrônica

Ainda de acordo com a reportagem de Franklin Costa, os multigênero correspondem à maioria dos festivais no Brasil, enquanto os de música eletrônica ficam em um surpreendente segundo lugar. As regiões que mais concentram os eventos são, respectivamente, o Sudeste, o Nordeste, o Centro-Oeste, o Sul e o Norte. Centro-Oeste e Sul teriam apresentado uma redução na quantidade de festivais em relação a 2017, enquanto as outras regiões cresceram neste ano.

Os dados completos devem ser divulgados em breve pelo Data SIM.

Continue Lendo

Notícia

Swedish House Mafia no Ultra e no Tomorrowland? E-mail supostamente vaza a informação

Acidente, informação errada ou vazamento proposital?

Phouse Staff

Publicado há

Swedish House Mafia voltando
Foto: Reprodução

O Swedish House Mafia já anunciou nove gigs de sua turnê mundial em 2019 — e ainda parece ter muito mais por vir. A última das datas confirmadas pelo grupo foi no Weekend Festival, na Finlândia, em 19 de julho. Mas o curioso é o e-mail que foi disparado pela produção do Weekend aos seus seguidores, que supostamente teria vazado a presença do trio em dois dos maiores festivais de música eletrônica do mundo: Ultra e Tomorrowland.

“O retorno do Swedish House Mafia aos palcos, depois de cinco anos, tem sido uma notícia enorme no mundo da música. Para o próximo verão, mais de cem mil ingressos já foram vendidos para seus shows em Estocolmo. Além disso, o top trio vai tocar nos maiores festivais mundo afora, como Ultra, Tomorrowland e Creamfields. Este é também um ótimo momento para recebê-los na Finlândia, no Weekend Festival”, diz o texto.

Dos três festivais citados como exemplo, apenas o Creamfields foi confirmado oficialmente — e embora o Steve Angellotenha declarado que o SHM faria de tudo pra tocar no Tomorrowland no ano que vem, a presença do grupo no Ultra Miami é menos provável, já que o festival será realizado em março, dois meses antes dos shows em Estocolmo, ponto inicial da turnê. Ainda existe a hipótese, é claro, de não se tratar do Ultra Miami, mas de alguma edição em outro país.

Vindo do trio sueco, não seria de se estranhar um vazamento deliberado dessas informações, pra seguir gerando hype e deixando os fãs ansiosos. E conforme o cronômetro da vez no site oficial, tem mais novidades nesta quinta-feira…

+ CLIQUE AQUI para ler mais notícias sobre o Swedish House Mafia

Continue Lendo

Notícia

Trilha de “Kingdom Hearts III” foi produzida por Skrillex; escute!

Produtor colaborou com Poo Bear e a cantora de J-pop Utada Hikaru

Phouse Staff

Publicado há

Kingdom Hearts
Foto: Reprodução

Famoso no universo gamer, o jogo Kingdom Hearts (que combina os universos da Disney e da franquia Final Fantasy, da Square Enix) teve o trailer de sua mais nova edição lançado nesse último final de semana. Para os fãs de música eletrônica, a grande novidade é que desta vez a trilha sonora leva a participação de Skrillex, que se juntou ao Poo Bear e à famosa cantora japonesa Utada Hikaru (sempre presente nos jogos da franquia).

Segundo a conta do game no Twitter, Skrillex queria inicialmente remixar uma música de Utada, “Don’t Think Twice”, que também estará presente em Kingdom Hearts III. Com o passar do tempo, a ideia evoluiu, e os dois artistas acabaram optando por lançar a inédita “Face My Fears”, som que pode ser conferido parcialmente nesse primeiro trailer.

 

A versão completa de “Face My Fears” será lançada como single em 18 de janeiro. Já o Kingdom Hearts III está previsto para estrear mundialmente no dia 29 do mesmo mês, para Playstation 4 e Xbox One

De fã para fã

Assim como Skrillex, Porter Robinson é outro grande fã de Kingdom Hearts, e referências ao jogo podem ser encontradas em sua arte — sobretudo no projeto Virtual Self.

No Twitter, o DJ parabenizou o colega pela música, comparando “Face My Fears” com o remix de PlanitB para “Simple and Clean”, presente na trilha do primeiro Kingdom Hearts. “Parabéns, cara, eu sei o quanto o KH significa pra você! Esse som me dá arrepios. Fico pensando em como ele captura a essência da música eletrônica popular em 2018, da mesma forma que o remix do PlanitB fez em 2002″, escreveu.

 

LEIA TAMBÉM:

Skrillex perde processo milionário contra fã

De Martini e Garrix a Armin e Skrillex; confira 10 pérolas de sexta

Porter Robinson é sampleado em novo som de Mariah Carey

“Key”, de Virtual Self, também ganha seu próprio vídeo; assista!

Trilha do “FIFA 19” traz Gorillaz, LSD e Peggy Gou

Continue Lendo

Publicidade

Brazillian Bass 300×250
Sundance (300×250)
Green Valley – 300×250
Go Festivals – Tomorrowland 300×250

Facebook

PLAYLIST

Trending

-->

Copyright © 2018 Phouse