Above & Beyond
Phouse Staff

Phouse Staff

Controversa ação antidrogas é utilizada em show do Above & Beyond e revolta público

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jovem chegou a ser barrada por carregar soro nasal

Lembra da treta dos cães farejadores no show do Above & Beyond em Sidney? A medida antidrogas acabou sendo mesmo aplicada. O show foi nesse sábado, e os frequentadores apontados pelos cães tiveram a entrada negada e ainda foram banidos da área por seis meses.

Segundo o Daily Mail, a polícia aplicou a punição em qualquer dos frequentadores do festival que fossem identificados por cães farejadores, mesmo que eles não tivessem nenhuma droga consigo. Isso porque, na teoria, os cães conseguem sentir resquícios do contato prévio com substâncias ilícitas.

+ Polícia australiana terá forte ação antidrogas em show do Above & Beyond

+ Treta na Austrália: polícia é acusada de abuso de poder por ação antidrogas em show do Above & Beyond

A imprensa australiana entrevistou Stephanie Korfiatis, de 23 anos, que foi barrada pela ação mesmo sem ter nenhuma droga no corpo. A fã disse a uma fotógrafa da Fairfax Media que estava esperando na fila do lado de fora do local com um grupo de amigos para ter sua bolsa verificada pela segurança quando um cão farejador se sentou ao lado dela, e ela foi banida.

Sabe o que o cão identificou em Stephanie? Um bastão Vick, daqueles usados para desobstruir o nariz. Stephanie se mostrou, naturalmente, revoltada. “Eu estava muito ansiosa para esse show […], comprei os ingressos há seis meses na pré-venda”, disse a garota, que foi a única a ficar de fora do show entre seu grupo de amigos. Além do constrangimento e da frustração, o prejuízo financeiro foi de 130 dólares australianos (cerca de R$ 370,00).

A “Sniff Off”, uma campanha de conscientização da organização jurídica NSW Greens contra o uso de cães farejadores, deu assistência ao público afetado injustamente pela medida, distribuindo panfletos para o público que foi barrado com a intenção de tomar medidas judiciais contra a ação. “Este é um grave abuso dos poderes da polícia”, publicou a organização no Facebook. “Vamos encontrar a força policial de Sidney no tribunal na próxima semana”.

Vamos continuar acompanhando pra ver no que esse B.O. vai dar…

Share on facebook
Compartilhar no Facebook
Share on twitter
Compartilhar no Twitter
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

Quer ganhar 23 mil reais para montar o estúdio dos seus sonhos?

Se você é DJ e produtor musical não perca essa oportunidade.
Inscreva-se gratuitamente no Burn Residency 2019.