Economia Noturna
Novo cargo vai auxiliar também na política de redução de danos

No Reino Unido, a vida noturna é levada a sério. O prefeito de Manchester, Andy Burnham,
nomeu na última semana Sacha Lord como primeiro Consultor de Economia Noturna da cidade. A iniciativa não é remunerada e visa melhorar a vida noturna e otimizar políticas de redução de danos. A nomeação acompanha diversas cidades que também instituíram cargos voltados à vida noturna na Europa e nos Estados Unidos.

A nomeação de Sacha Lord como consultor noturno destaca a importância da indústria da dance music no Reino Unido. Sacha tem experiência no assunto: ele é fundador do Warehouse Project e do Parklife Festival, e também faz parte do conselho da Associação de Indústrias Noturnas (NTIA), no qual é apoiado por um painel de economia noturna, formado por especialistas em várias áreas.

+ A exemplo da Europa, Nova Iorque nomeia “prefeita da vida noturna”

+ Conheça a história de um dos clubs mais lendários de todos os tempos

Manchester está seguindo exemplo de cidades como Amsterdã, Berlim, e Nova Iorque, que já criaram funções do tipo. Os cargos têm nomes diferentes de acordo com cada prefeitura — Night Czar em Londres, ou Night Mayor em Amsterdã —, mas mais ou menos com a mesma responsabilidade: cuidar de assuntos específicos relacionados à vida noturna de locais tão cosmopolitas.

Segundo o Resident Advisor, o novo consultor pretende dar uma olhada no que está faltando na economia noturna de Manchester, o que é necessário melhorar e seguir desenvolvendo o que está funcionando bem. Ele quer também abrir diálogo com a cena e melhorar políticas de redução de danos com uso de testes de drogas.

+ Prefeito de Detroit discute fomentar a vida noturna da “capital do techno”

+ Governo de Berlim investe um milhão de euros na vida noturna da capital

Em entrevista para o Guardian, Lord afirmou que os principais clubes e festivais do Reino Unido deveriam ter instalações para testes de drogas com a medida “back-of-house”, na qual as drogas testadas não são devolvidas ao usuário.

A instituição de mais um cargo voltado para a vida noturna em uma grande cidade parece mostrar como o respeito pela cena de clubes vem crescendo, e como ela segue impulsionando a economia dessas metrópoles.

Receba novidades no e-mail

Receba o melhor da Phouse em seu email!

:::. ALEATÓRIAS / LEIA TAMBÉM

Pôster na Croácia sugere Swedish House Mafia no Ultra Europe

A peça publicitária foi encontrada em Zagrebe

Tomorrowland lança rádio para celebrar seus 15 anos

Rádio ficará disponível para fãs no mundo inteiro até o final de agosto

Em grande fase, Cat Dealers foi atração no BBB

Confira a tracklist completa do set!

Gabriel Boni remixa Vitor Kley; escute

Remix saiu pela Midas Music, de Rick Bonadio

Pela Alphabeat, Make U Sweat regrava hit do Raimundos

Collab pesada e música de novo produtor marcaram a semana da gravadora

Valesuchi detona Dekmantel por não incluir artistas latino-americanos; festival responde

DJ enxerga relação de caráter exploratório entre festival e artistas da América Latina

Martin Garrix revela que não vai tocar no Mainstage do Tomorrowland

Lugar que pertenceu ao holandês nos últimos anos deve ser ocupado pelo Swedish House Mafia

Quarto round: Tomorrowland revela mais 15 nomes

De Alison Wonderland e Zeds Dead a Eric Prydz e Nina Kraviz

Grande operação policial em bar prende Gabe no Rio de Janeiro

Cinco pessoas, entre elas o DJ, foram algemadas e conduzidas à delegacia de Rio das Ostras

D-EDGE recebe Afrika Bambaataa, B.Traits, Lewis Fautzi e mais no Carnaval

Bloco de Carnaval do D-EDGE integra o Carnaval de SP pelo 3º ano seguido