Konstantin

DJ e sua crew são cortados de festival depois de declarações machistas

O DJ alemão Konstantin e a crew da sua label Giegling estavam marcados para se apresentar no londrino Sunfall Festival, em 12 de agosto, porém foram retirados do lineup graças a declarações controversas de seu cofundador.

À revista alemã Groove, Konstantin disse que na maioria das vezes, mulheres são piores DJs do que homens. O artista ainda alegou que “mulheres que buscam carreiras em uma indústria dominada por homens devem perder suas ‘qualidades femininas’ e se tornarem ‘másculas’”.

Imediatamente após a publicação, Konstantin enviou uma nota à Mixmag pedindo desculpas e afirmando que suas palavras foram distorcidas. “Eu aprendi a discotecar com minha amiga Sarah, então obviamente não acho que mulheres são piores que os homens. Me arrependo do que foi dito à jornalista [da Groove], já que ela não curtiu meu senso de humor cáustico e meu hábito de manifestar opiniões antagônicas pra desafiar as pessoas, mesmo que não representem o que eu realmente acho”, diz a nota. “O que foi escrito não reflete minha opinião, e também não representa o que outros membros da Giegling pensam ou falariam.”

Na mesma matéria da Groove, outros membros da label afirmam que o machismo não é um problema no grupo; no entanto, colegas de profissão, como a DJ The Black Madonna, se manifestaram nas redes sociais, afirmando já ter presenciado comportamento sexista por parte de Konstantin — a DJ chegou a dizer que o que Konstantin realmente pensa é ainda pior.

De uns tempos pra cá, no mundo e também no Brasil, o tema da participação das mulheres na música eletrônica vem crescendo, e afirmações como essa vêm sendo amplamente repudiadas por público, produtores de eventos, DJs e produtores musicais. O caso de Konstantin também remete à polêmica com Ten Walls, que, depois de ter sido pego dando declarações homofóbicas, passou a sofrer uma grande rejeição no mercado.

+ Monique Dardenne: abrindo portas pras mulheres na música, sem mimimi

O que o Dia Internacional da Mulher tem a ver com a dance music

Share on facebook
Compartilhar no Facebook
Share on twitter
Compartilhar no Twitter
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

Quer ganhar 23 mil reais para montar o estúdio dos seus sonhos?

Se você é DJ e produtor musical não perca essa oportunidade.
Inscreva-se gratuitamente no Burn Residency 2019.

RECEBA NOVIDADES

ÚLTIMAS NOTÍCIAS