Dream Valley Festival traz o melhor da música eletrônica para o Brasil

dream valley festival

Com uma lista de mais de 20 atrações que inclui grandes nomes internacionais do ritmo eletrônico como Amine Edge & Dance, Boris Brejcha, Dyro, DVBBS, Kaskade e Nicky Romero, o evento espera reunir mais de 40 mil pessoas. Pelo terceiro ano o festival vai acontecer na cidade de Penha, numa área anexa ao Beto Carrero World.  

A terceira edição do Dream Valley Festival vai acontecer dias 14 e 15 de novembro e já impressiona pela lista de atrações de peso que mescla grandes nomes da música eletrônica já conhecidos do publico, com atrações inéditas no Brasil. A super estrutura que vai repetir as duas pistas: Mistyc Stage, dedicada ao som underground, e Dream Stage, dedicada ao som comercial,  – será erguida em uma área anexa ao Beto Carrero World, o maior parque temático da América Latina, que fica em Penha, litoral norte catarinense.  O público poderá escolher entre os setores de Camarotes, Área VIP e Pista para entrar na viagem intergaláctica que a temática do Dream Valley Festival propõe este ano.

Sempre oferecendo um universo lúdico aos seus fãs, –  que já somaram quase 80 mil pessoas nas duas primeiras edições, – o Dream Valley Festival 2014 aposta numa identidade visual que promete levar os “dreamers” a outra dimensão do entretenimento, embarcando em uma experiência intergaláctica de música, arte e cultura eletrônica. Elementos ligados à viagens espaciais estarão espalhados pela área do evento que, assim como nos anos anteriores oferecerá praça de alimentação, espaço especial para portadores de necessidades especiais, amplo estacionamento e, a pedido dos “dreamers”, áreas de banheiros e bares ampliadas.

E as grandes estrelas das duas noites de festival, que este ano compõem a chamada “constelação” do Dream Valley Festival, estão sendo aprovadas pelo público. Anunciados todas as terças e quintas-feiras há cerda de dois meses, os Djs que compõem o line up do evento confirmados até o momento (3/10) são: Afrojack (HOL), Alok (BRA), Amine Edge & Dance (FRA), Boris Brejcha (ALE), Chris Liebing (ALE), DVBBS (CAN), Dyro (HOL), Fedde le Grand (HOL), Felguk (BRA), Julio Bushmore (ING), Kaskade (EUA), Marcelo CIC (BRA), Matador (IRL), Maya Jana Coles (ING), Nicky Romero (HOL), R3hab (HOL), Tapesh (ALE), Tommy Trash (AUS), Umek (ESL) e e Victor Ruiz AV Any Mello (BRA). Mais atrações ainda serão confirmadas.

Outro destaque desta edição é o tema do festival, identidade musical do evento que já foi assinada por Mario Fischetti e Marcelo CIC respectivamente nas duas primeiras edições, e este ano tem produção de um verdadeiro fenômeno brasileiro do EDM que está ganhando o mundo. O mineiro FTampa foi quem criou a track  “Let it Go” em parceria com ninguém menos que a norte americana Shawnee Taylor, que é famosa pelos vocais de tracks de Erick Morillo. “A inspiração da música foi sustentada em três pilares que ele julga estruturar o Dream Valley Festival: felicidade, conquista e sucesso”, explica Tampa ao afirmar que a letra desenvolvida pela própria Shawnee Taylor captou perfeitamente a ideia do tema.

Para manter o padrão das duas primeiras edições do evento mais de 200 profissionais de diversas áreas estão envolvidas no projeto, concepção e execução do Dream Valley Festival 2014. Vale lembrar que o festival genuinamente catarinense tem uma trajetória de sucesso e, já nas suas duas primeiras edições o evento foi premiado pelo Dj Sound Awards, Cool Awards e Rio Music Conference, além e ter sido e foi citado em quinto lugar entre os “25 festivais para ir antes de morrer” segundo a Inthemix.com, importante portal australiano especializado em e-music.

Atrações confirmadas (até 23/09): Afrojack (HOL), Alok (BRA), Amine Edge & Dance (FRA), Boris Brejcha (ALE), Chris Liebing (ALE), DVBBS (CAN), Dyro (HOL), Fedde le Grand (HOL), Felguk (BRA), Julio Bushmore (ING), Kaskade (EUA), Marcelo CIC (BRA), Matador (IRL), Maya Jana Coles (ING), Nicky Romero (HOL), R3hab (HOL), Tapesh (ALE), Tommy Trash (AUS), Umek (ESL) e e Victor Ruiz AV Any Mello (BRA).

Dimitri Vegas & Like Mike
Conhecidos como os “Maestros do Tomorrowland” e um dos nomes mais cotados para assumir o cobiçado nº1 na lista dos TOP 100 Dj MAG inglesa em 2015, os belgas se apresentam com exclusividade no Dream Valley Festival. Dominando o estilo “big room progressive electro”, suas apresentações memoráveis são apreciadas não só pela energia e animação, mas, também, pela habilidade de inovar nas mixagens misturando vocais com house, techno, electro e breaks. A dupla ocupa hoje a 6ª posição no TOP 100 Dj MAG. Entre suas tracks de sucesso estão Wakanda – música mais tocada no Miami Music Week 2013 – e “Mammoth” – que alcançou o #1 no Beatport e 45 milhões de visualizações no Youtube. Arrastando multidões por onde passam, já se apresentaram em grandes festivais como Mysteryland, Nocturnal Wonderland, Electric Daisy Carnival, Creamfields, Electric Zoo, Beatpatrol, Ultra Music Festival, Touch The Air e, claro, o Tomorrowland.

Afrojack (HOL) – Ele é aclamado por onde passa porque seus sets tem qualidade irretocável, uma cadencia única, e sua performance conquista fãs nos quatro cantos do Planeta seja numa pista exclusiva em Vegas, ou um  festival com milhares de pessoas como o Tomorrowland. Ainda jovem, mas com uma bagagem digna de muitos Djs de longa estrada, o holandês Afrojack é o que de mais original surgiu nas pistas de dança de todo o mundo nos últimos tempos. Com incrível formação musical, que inclui até piano clássico, ele oxigenou a música eletrônica e coleciona parcerias que vão desde a latinidade de  Shakira, passando pelo o rap de Snoop Dogg, a irreverencia de Lady Gaga, até a EDM de Martin Garrix. Está entre os dez melhores Djs do Planeta segundo a lista dos Top 100 Djs da Dj Mag e sua presença  no line de qualquer festival certifica o evento como universal.

ALOK (BRA) – Com um grande talento para produção correndo nas veias, o brasiliense ALOK é filho de Djs e pertence à  nova geração que está revolucionando o cenário nacional com ousadia e, no caso dele, paixão declarada pelo underground. No circuito profissional desde 2007, ele é reconhecido por um elemento particular em suas apresentações, os vocais graves produzidos ao vivo no “vocoder”. Sua capacidade de realizar uma junção perfeita, e cheia de personalidade, entre Techno, Groove e House, o tornou uma figura impar com sets sempre surpreendentes. Desde junho deste ano ALOK faz parte do seleto grupo de residentes do Green Valley e é bastante ativo na cena internacional tendo participado de grandes festivais na Europa e nas Américas. Conquistando fãs em todo mundo, alcançou em 2013 mais de 1 milhão de plays no Soundclaoud com faixas como “Snoop Sings”, “Puro Extase” e “We are Underground”.

Amine Edge & Dance (FRA) – O duo francês Amine Edge & Dance está confirmado para o Dream Valley Festival. A dupla que não revela sua identidade, é reconhecida como um dos principais ícones do G-House, uma nova visão da house music que busca combinar graves do Funk e Hip House dos anos 80, como bem evidenciado em seus trabalhos as “Halfway Crooks” ou “Going to Heaven With The Goodie-Goodies”. Sua obsessão pelos grandes mestres do hip-hop, como Tupac and Biggie, os uniu desde o princípio e está presente em sua música. Seu single de estreia foi em 2007 e, desde lá, constam nos sets de DJs consagrados como Solomun, Laurent Garnier e Carl Cox.

Boris Brejcha (ALE) – O alemão conhecido por suas performances alegres e nada tradicionais, com uso de máscaras e fantasias, Boris Brejcha, é o segundo confirmado para o Dream Valley Festival. Com início da carreira em 2006, rapidamente foi considerado revelação da cena Techno e o “talento excepcional do ano de 2007” da música eletrônica pela revista Raveline. Como nenhum tipo de música descrevia exatamente seu estilo, Boris batizou seu modo de fazer música de High-Tech Minimal – as principais características são a batida grave, elementos de percussão e reviravoltas no arranjo. Entre as músicas mais conhecidas do artista estão: Die Maschinen Sind Gestrandet; Lost Memory; You Will Rise; My name is, entre outras.

Chris Liebing (ALE) – Considerado a lenda do Techno mundial, o alemão Chris Liebing foi um dos djs e produtores pioneiros a abraçar a era digital da música eletrônica. Liebing é reconhecido em todas as áreas em que atua, seja como dj, produtor, apresentador de rádio e como o líder do selo CLR (Create Learn Realize). Ao longo dos últimos 10 anos, ele e muitos produtores renomados lançaram suas músicas pelo selo CLR, transformando-o em uma marca Techno consistente e cada vez mais sucesso. Seus sets são normalmente pesados com incursões pelo minimalismo e electro. Em novembro, o artista trará toda a sua experiência ao Dream Valley Festival.

Doozie (BRA)– Rodrigo Kost é um Dj versátil, sempre busca as novidades e tendências afim de resultados únicos, o que faz dele um nome cotado para warm-ups marcantes e atuações surpreendentes como headliner. Agora o DJ leva ao Dream Valley o seu projeto Doozie, projeto de música eletrônica focado no Gangsta House, mistura do deep house com o hip hop dos anos 80 e 90. Pela G-Mafia Records, o projeto Doozie já teve seu primeiro EP, Daydream, lançado no Beatport – maior canal de venda de músicas eletrônicas do mundo – e figurou na posição #22 do Top 100 lançamentos já na primeira semana.

DVBBS (CAN) – Um dos nomes mais pedidos do momento e presença garantida nos maiores festivais do mundo, como o Ultra Music Festival e Tomorrowland, o duo canadense DVBBS (composto pelos irmãos Cris e Alex Andre) está confirmado para o Dream Valley Festival. Uma de suas principais músicas, o hit “Tsunami”, feito em parceria com Borgeous, possui mais de 103 milhões de acessos no Youtube e colaborou para catapultar a carreira do duo. Entre outros hits de destaque do DVBBS estão We Were Young, This is dirty (ft. Moti) e Raveology (VINAI).

Dyro (HOL) – Da escola holandesa de nomes irretocáveis da música eletrônica, Dyro é o primeiro nome confirmado para o Dream Valley Festival. O artista ganhou destaque em 2013, já estreando na 30º posição na cobiçada listas dos Top 100 Djs da DJ Mag. Muito conectado com diversos DJs, Dyro considera um deles o verdadeiro influenciador e herói pessoal – Hardwell (nº 1 do mundo) – com o qual gravou o hit mundialmente conhecido “Never say Goodbye”.  Outro momento considerado pelo próprio artista como um divisor de águas na carreira é o lançamento de “Daftastic”, que consta hoje no set de DJs conceituados no mundo, como: David Guetta, Dada Life, Laidback Luke e, claro, Hardwell. Outro hit que pode ser considerado destaque do artista é Leprechauns & unicorns.

Elekfantz (BRA) – O duo Elekfantz é formado pelos catarinenses Daniel Kuhnen e Leo Piovazani, o primeiro reconhecido DJ e o segundo um baterista amante do bluesque entra agora no mundo eletrônico. O produtor é o paulista Gui Boratto. Abrindo caminho na Europa com a música wish, a identidade do grupo era mantida com um leve suspense até recentemente. O DJ Solomun foi o primeiro a remixar o single Diggin´On You da dupla, e sua versão atingiu rapidamente 100 mil plays em seusoundcloud antes mesmo do lançamento oficial.

 Fedde le Grand (HOL) – Criador do inconfundível “Put Your Hands Up For Detroit”, hit que ganhou o mundo, o produtor viu sua carreira decolar em 2007 com o reconhecimento que veio após o hit e a internacionalização de sua carreira. Em seus 15 anos de carreira, Le Grand é reconhecido por seu ritmo inovador, pelo seu show dançante e pelos remixes como os de “Give it 2 me”, de Madonna, e “Paradise”, de Coldplay. Le Grand também é criador de “Let Me Think About It (ft Ida Corr)”, “ So Much Love” e “Where We Belong” (junto com a banda de DI-RECT).

FELGUK (BRA) – Encabeçando a lista da House Mag de melhores nomes da música eletrônica em 2013 do Brasil está Felguk. Composto por Felipe Lozinsky e Gustavo Rozentha, Felguk é presença certa nas pistas mais descoladas não só do Brasil, mas do mundo, sendo o único representante do país na lista Top 100 da publicação britânica DJ MAG, a revista internacional mais conceituada do mundo eletrônico, e sendo também um dos 4 projetos brasileiros a terem se apresentarem no Tomorrowland 2014, na Bélgica. A dupla também é responsável pela criação da música “2nite”, que acabou sendo utilizada no trailler oficial do maior festival de dance music dos Estados Unidos, o Eletric Daisy Carnival,em 2010O duo já abriu shows da turnê MDNA da rainha do pop, Madonna, no Brasil, em 2012, além de ter remixados faixas para diversos artistas de renome internacional, como a “Celebration” (da própria Madonna), Club Can´t Handle Me” de Flo Rida e The Time (Dirty Bit), do grupo The Black Eyed Peas.

Jetlag (BRA)- Chamados de “Brazilian Superstar Duo” pela New York Magazine, o Projeto JetLag é formado pelos DJs Paulo Velloso & Thiago Mansur. Sua ascensão foi meteórica nos últimos anos, se tornando uma das principais atrações brasileiras no mercado internacional.

Julio Bashmore  (UNK) – Julio está em evidencia na cena eletrônica desde 2009 e sua base é o house music que, desde suas primeiras inspirações ainda adolescente, até hoje, sofreu as mais diversas influencias típicas da energia musical de sua cidade, Bristol,  na Inglaterra,  de onde ele não quis sair para expandir sua carreira e onde produz até hoje. Extremamente inspirado na cultura hip-hop e seguidor fiel de Daft Punk,  Julio passou a produzir um som reconhecido como “algo que se sente”, justamente por ter tido a liberdade de criar um estilo próprio na periferia de Bristol. Tracks como “Footsteppin”, seu remix de “Mosca”, ou sua compilação “Batak sulco” comprovam que ter apostado até em tambores  indígenas em suas produções o tornou um dos artistas mais emblemáticos da cena underground de todos os tempos.

Kaskade (EUA) – Kaskade, que é o Dj nº1 dos EUA e coleciona indicações ao Grammy,  é um nome indispensável quando um evento pretende agradar em cheio sua plateia. Unanimidade entre o público de qualquer vertente do eletrônico, e dono de um carisma único, ele também conquistou astros populares como Lady Gaga, Beyonce, Skrillex, Justin Timberlake e Deadmau5 em parcerias de sucesso que comprovaram sua imensa capacidade de transitar entre todos os estilos do e-muisc. Há mais de uma década entre os ícones do ritmo, ele conseguiu não ser rotulado como Dj de um estilo só e emplacou hits como “Eyes”, “Fire in Your New Shoes” e “Turn It Down”,  tracks obrigatórias em qualquer uma das mais de 200 apresentações que ele faz por ano circulando entre os cinco continentes.

Marcelo CIC (BRA) – Autor do sucesso “Keep Running”, tema oficial do Dream Valley Festival 2013, o vibrante Marcelo CIC está confirmado para a edição 2014 do evento. Carismático, o DJ é integrante do projeto ASQ2quit, e faz parte de uma nova geração de talentosos DJs brasileiros que ganharam grande destaque no mercado internacional, principalmente desde seus remixes para as tracks “I Feel For You”, de Chaca Khan, e da track “Time For My Rhodes” para Carl Cox, tendo também dividido cabines com os principais nomes da EDM mundial, como David Guetta, Steve Angello, Axwell, Fatboy Slim, Armin van Buuren, Calvin Harris, Avicii, Alesso, Hardwell, Nicky Romero e Gui Boratto. Iniciando na carreira de DJ precocemente aos 11 anos, o artista já foi premiado como ‘’Melhor Produtor de Música Eletrônica’’ e indicado como “DJ Revelação” no Cool Awards, promovido pela conceituada revista CoolMagazine. O DJ também foi anunciado em 2013 residente do Green Valley.

Matador (IRL) – Um dos principais Djs da Irlanda, Matador se especializou na sua própria visão da música Techno nos últimos anos. Seus maiores trabalhos, Kingswing EP (Minus) e Spooks EP, deixam claro o equilibro entre sua própria visão da música e com o que estamos acostumados a ouvir no Techno.  O Projeto Matador foi criado em dezembro de 2006 pelo produtor DJ “Gavin Lynch”. A partir do sucesso inicial de seu remix de ‘Perc – Work Softer’, Gavin passou a ganhar reconhecimento e vem surpreendendo a cada apresentação que realiza.

 Maya Jana Coles (UNK) – é uma reconhecida e respeitada produtora inglesa que virá pela primeira vez ao Brasil para se apresentar no Dream Valley Festival Dedicada à house music e um dos nomes mais pedidos pelos dreamers nas redes sociais oficiais do evento, a produtora inglesa Maya lançou recentemente seu primeiro álbum autoral “Comfort” em 2013, considerado o maior trabalho da sua carreira e atualmente coleciona apresentações por mais de 40 países. Maya possui vários títulos e premiações, entre eles o “Best of British 2011” na categoria “Produtora do ano”, organizada pela DJ MAG. Segundo a própria revista, “suas produções comandaram o ano de 2011”. Entre as principais músicas da DJ estão “Burning Bright ft. Kim Ann Foxman” e “Everything” ft. Karin Park.

Nicky Romero (HOL) – Sensação nas pistas mais descoladas dos quatro cantos do mundo, o holandês Nicky Romero, – que atualmente ocupa a 7ª posição na lista dos TOP 100 Djs da publicação inglesa Dj Mag,  – é o terceiro confirmado para o Dream Valley Festival. O artista é conhecido por ser um dos grandes fenômenos ascendentes do EDM, sendo considerado por muitos DJs e entendedores o assunto como o maior talento da atualidade. Com 25 anos de idade ele já é referência para os veteranos do universo eletrônico, principalmente por acertar em parcerias que resultaram em trabalhos de sucesso, como a participação no single de Avicii, “I Could Be the One”,  top 1 nas paradas europeias em 2013, e depois em o todo o mundo. Nicky também já produziu remixes para estrelas como Zedd e Calvin Harris. Entre suas tracks mais famosas estão I could be the one, Legacy e Toulouse, Like Home, hits que deverão fazer parte do seu aguardado set de estreia no Dream Valley Festival.

NOIR – Nascido e crescido em um cenário improvável, o dinamarquês Noir, filho de empregada domestica e ferreiro,  desde criança já tinha paixão pela música e passou anos desviando do que o destino lhe oferecia para chegar onde queria: um dos nomes mais singulares da cena underground em todo o mundo. Conhecido por jamais apresentar sets prontos, quando garoto  tinha tudo pra ser um grande jogador de futebol, mas perdia treinos para sintonizar as rádios com programação de musica eletrônica dos EUA e Inglaterra na década de 1990.  O caminho de Noir atrás de reconhecimento foi longo até que, há dez anos, chegou em Ibiza e conseguiu uma evidencia improvável, pois seu estilo nunca foi similar aos dos grandes astros. Discreto, apresentou muito talento em produções próprias, além de insistência, para alcançar projeção internacional na última década lançando sua própria produtora, conquistando residências, e colecionando prêmios, como em 2011 quando foi o primeiro DJ a ganhar em três categorias no Danish Deejay Awards, abocanhando os troféus de: “Produtor do Ano”, “Dj do ano” e “Track do ano”. Seu Techno dançante é exigência nos lines dos maiores festivais do mundo, e não poderia ficar de fora do Dream Valley festival 2014.

Repow (BRA) – Prodígio, ganhou destaque no próprio Dream Valley Festival em sua última edição, quando foi uma atração surpresa do evento, tocando logo antes do grande ídolo, Hardwell. Acumula 4 anos de carreira. Na discotecagem, demonstra marcas como: “mixagens inacreditáveis”, “mash-ups ao vivo” e um set que é sempre dinâmico e inovador.

R3hab (HOL) – Apresentado ao mundo por Afrojack, o DJ e produtor holandês R3hab passou a ser presença obrigatória nos principais festivais de música eletrônica do mundo, como o Tomorrowland, EDC Las Vegas e Ultra Music Festival, e agora também do Dream Valley Festival. Um dos DJs mais célebres da atualidade, possui um impressionante número de músicas próprias e remixes que dominam as mais disputadas pistas em todo o mundo, e coleciona trabalhos com artistas de peso como Lady Gaga, Snoop Doog, LMFAO, Pit Bull, Jennifer Lopez, Calvin Harris, Bob Sinclar, Tiësto e David Guetta.

O artista foi catapultado para o estrelato da música eletrônica mundial quando viu seu hit “PRUTATAA”, feito com Afrojack (seu grande parceiro), estourar nas paradas mundiais. Além de PRUTATAA, R3hab também lançou outros sucessos como: Flashlight (parceria com DEORRO), Ready For The Weekend (Feat. Nervo, Ayah Marar), Revolution (Feat. Nervo, Ummet Ozcan), Samurai (Go Hard) e Sending My Love.

Rodrigo Vieira + Parcionik – Residente da Green Valley, Rodrigo Vieira já foi eleito o melhor DJ de House do Brasil por 5 anos consecutivos (2010 a 2014) pela revista DJ Sound, sendo presença garantida em um dos principais festivais do mundo há 9 anos – o Ultra Music Festival (Miami). Vieira se apresenta junto com Rodrigo Parcionik, que compõe o projeto Life is a Loop, e é reconhecido por ser dono de batidas eletrizantes e um dos grandes percussionistas brasileiros da e-music.

Tapesh (ALE) – O alemão Tapesh desde a década de 80 respirava a essência da música eletrônica ouvindo muito kraftwerk e funk music quando frequentava o club de seu pai e, além destas influências, seu gosto musical acabou por rechear seus sets com baixos profundos, groove e um amplo background musical que há décadas fez fãs por todo o mundo. Seu estilo único, que fomentou uma vertente ousada de artistas que unem diversos tipos de sons sem medo, acabou por ganhar fãs como Loco Dice, Jamie Jones, DJ T and Anja Schneider, e por proporcionar à Tapesh parcerias com nomes como Amine Edge & Dance e Sharam Jey.

Tommy Trash  (AUS) – Um dos mais evidentes representantes da surpreendente e original cena eletrônica australiana, Tommy Trash é conhecido por suas performances de Electro House, por sua energia contagiante e por seus cabelos compridos, e é considerado um dos nomes mais promissores na atualidade. Apesar de ter quase dez anos de estrada, a track The End”, de 2011, foi o start de uma nova fase em sua carreira quando foi notado e impulsionado por nomes como Tiësto, David Guetta, Swedish House Mafia, Afrojack e Laidback. Em 2012 Tommy recebeu uma indicação ao Grammy Awards (considerada a maior premiação da música mundial) pelo seu remix da música “The Veldt” de Deadmau5′ na categoria “Best Remixed Recording, Non-Classical”. Trabalhos como Reload (com 31 milhões de visualizações no Youtube), com participação de Sebastian Ingrosso, e John Martin, “Tuna Melt”, junto com A-Trak, “Monkey in love”, “Cascade” e “Monkey See Monkey Do” são alguns dos que encantam aficionados por música eletrônica.

Umek (ESL) –  (Ganhador do concorrido International Dance Music Awards 2014 de melhor artista Techno/Tech House, o esloveno Umek é é reconhecido por ser um dos pioneiros da música eletrônica no seu país, tendo iniciado sua carreira com 17 anos, em 1993, influenciando uma geração de artistas que vieram depois dele com seus sets marcantes. Entre seus principais hits estão “Posing As Me”, “Slap”, “Pravim hao”, “Hard Times” com participação de Mike Vale e Chris The Voice e “Burnfire” com participação de Jay Colin.

Victor Ruiz AV Any Mello (BRA) – Também confirmado para o Dream Valley está a revelação da cena nacional na atualidade –Victor Ruiz AV Any Mello. Em parceria com Any Mello, Victor Ruiz tem ditado novas tendências mostrando sets cheios de personalidade. O duo é referência quando o assunto é Underground. Victor Ruiz é DJ e produtor em ascensão na cena eletrônica e já ganhou suporte de nomes como Boris Brejcha e Amine Edge. Any Mello é VJ e harmoniza som e imagem nas pistas, compondo o projeto com Victor. Em agosto, na festa Green Valley Gramado, eles estrearam como residentes do club.

Share on facebook
Compartilhar no Facebook
Share on twitter
Compartilhar no Twitter
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

Quer aprender a produzir a sua própria música?

Compre agora o curso Make Music Now com 10% de desconto na inscrição e soundbank do Studio Tronnic para Sylenth1 grátis!.

RECEBA NOVIDADES

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

PHOUSE MUSIC
SPOTLIGHT