Em homenagem póstuma, campanha leva Robert Miles ao topo do Beatport

O falecimento de Robert Miles tocou profundamente a comunidade da dance music ao redor do globo. Além de manifestações de amigos e personagens célebres desse universo, fãs se mobilizaram poucas horas depois da morte do artista com uma campanha para levar “Children” (1996), o maior hit de Miles, ao topo dos charts do Beatport.

Na última sexta-feira, através da iniciativa do grupo Trance Classics, no Facebook, uma versão remasterizada da faixa, de 2016, atingiu o #1 no chart de trance, e graças ao apoio de companhias como Ministry of Sound e Cream Ibiza, a track continuou subindo, chegando ao nono lugar do Top Ten geral do site, até o momento desta publicação. O objetivo agora é conquistar o primeiro lugar do pódio.

Aos 47 anos, Miles foi vítima de um câncer metastático de grau 4 na terça-feira passada. Diversos DJs têm encerrado seus sets com “Children” desde então — um deles foi Renato Ratier, no Boiler Room de Salvador, um dia depois da morte do italiano. A Phouse marcou presença no evento, e em breve conta como foi essa festa.

Deixe um comentário