fbpx
Stairs

Tech house do Evokings conquista a Spinnin’ Deep

Duo lançou "Stairs" na sexta-feira, e comentou à Phouse sobre a explosão do tech house no Brasil e no mundo

* Por Thomas Meirelles

Lançado nessa sexta-feira pela Spinnin’ Deep, com distribuição no Brasil pela HUB Records, “Stairs” é o quarto single de uma sequência consistente de lançamentos do Evokings, que iniciou-se com “Move Your Body”, passando por “Tech Party” e “Going Down”.

“A ‘Stairs’ combina melodia com energia. É uma track que funciona bem tanto na pista quanto num momento mais ‘relax’, em casa, por exemplo. Achamos que talvez essa mistura tenha chamado atenção da Spinnin’ Deep”, comentou Thiago Cymbal, do Evokings, à Phouse.

De Vintage Culture a JØRD e Breaking Beattz, a lista de artistas brasileiros que estão lançando pela label gringa está ficando cada vez mais extensa. Isso só evidencia a excelente fase dos maiores artistas do país, que conseguem cada vez mais, por meio da produção musical, ditar tendências no mercado internacional.

“É muito legal ver um número cada vez maior de brasileiros lançando pela Spinnin’. Eles estão de olho e isso é ótimo, pois aumenta a nossa visibilidade lá fora. Ver sua música chegando aos ouvidos de milhares de pessoas e DJs que sequer tinha ouvido falar, pra gente é incrível”, complementou a outra metade do duo, Wagner Farias.

Para o Evokings, o fato do tech house estar com suas variadas vertentes se popularizando e crescendo é algo bastante favorável. “Grandes nomes como Michael Bibi, Martinez Brothers, Jamie Jones e Black Coffee, que sempre foram muito fortes em determinados países da Europa e EUA, estão hoje ganhando muito mais força no mercado comercial, por exemplo”, opinou Thiago.

O duo também declarou que pretende continuar a evoluir sua sonoridade, sabendo que tem a flexibilidade de transitar entre as vertentes e experimentar sonoridades novas e diferentes. “Gostamos de sair da nossa zona de conforto e testar novos sons, misturando nossas influências. Em 2020, enxergamos um Evokings musicalmente mais maduro, focando cem por cento no material autoral”, finalizou Wagner.

LEIA TAMBÉM:

Share on facebook
Compartilhar no Facebook
Share on twitter
Compartilhar no Twitter
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

Quer aprender a produzir a sua própria música?

Compre agora o curso Make Music Now com 10% de desconto na inscrição e soundbank do Studio Tronnic para Sylenth1 grátis!.

RECEBA NOVIDADES

ÚLTIMAS NOTÍCIAS