unsound festival

Festival é cancelado por suspeita de promover o satanismo

Devido uma acusação de que o festival polonês Unsound Festival, que iria rolar no último fim de semana, “promove e propaga o satanismo”, os organizadores do evento foram forçados a encontrar novos locais para diversas apresentações que estavam agendadas para acontecer em duas igrejas.

“Essas acusações, inicialmente feitas em uma carta à Igreja de Santa Catarina, são completamente infundadas, irracionais e caluniosas”, disseram os organizadores em um comunicado oficial em seu site “Eles estão prejudicando o bom nome do festival, que desde 2003 tem sido parte da vida cultural de Cracóvia… Nós, naturalmente, negamos que o satanismo é ou algum dia foi promovido no nosso festival. O objetivo do Unsound foi sempre unir artistas e público para promover arte e cultura”.

No entanto, membros da Igreja de Santa Catarina decidiram cancelar o show do grupo britânico ‘Current 93’. “Sentimos muito, especialmente porque David Tibet – fundador e líder do Current 93 – nos enviou um comunicado no qual explica sua fé como um Cristão, como ele tem dito muitas vezes em entrevistas”, dizem os organizadores do festival. “Esta carta foi transmitida à igreja, mas sem efeito. Ele está chateado e magoado pelo fato de que foram forçados a mudar o local da apresentação”. Além disso, três outros shows na Igreja de São Pedro e São Paulo também foram cancelados. O Pianista John Tilbury, o guitarrista Raphael Roginski, e produtor de música eletrônica Rrose estavam agendados para fazer um set surpresa no evento.

Se o evento promove ou não o satanismo não podemos dizer, mas não há como negar que algumas apresentações são bem obscuras e macabras, como essa no vídeo abaixo por exemplo.

SIGA A PHOUSE:
INSTAGRAM | TWITTER | FACEBOOK | SPOTIFY

Share on facebook
Compartilhar no Facebook
Share on twitter
Compartilhar no Twitter
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

RECEBA NOVIDADES

ÚLTIMAS NOTÍCIAS