galantis

Galantis supera todas as expectativas com o sensacional “Pharmacy”

A maior revelação do ano de 2014 foi o duo sueco Galantis e isso ninguém pode negar. Depois de um EP aclamado pela crítica e hits virando hinos nas principais baladas e festivais do mundo, os caras simplesmente quiseram mais. Muito mais!

Eis que exatamente 1 ano e 2 meses depois do lançamento do EP que nos revelou faixas como “Revolution”, “Smile” e “Help”, os caras lançam o primeiro álbum da carreira.

“Pharmacy” desde seu anuncio no ano passado veio gerando todas as expectativas do público e da crítica em torno. Afinal, o primeiro single oficial deste material, a faixa “Runaway (U & I)” se tornou hit viral e os catapultou mais ainda para a fama.

E agora com todas as 13 faixas em mãos é fácil se perder na escolha de favorita para ser o próximo hit. “Peanut Butter Jelly” que é o single atual vem fazendo o trabalho direitinho e bombando nas rádios da Europa e dos Estados Unidos.

O material já começa com “Forever Tonight”, que chega calma e com um vocal feminino bom que aos poucos vai evoluindo junto com a chegada da batida. É fácil dizer que essa é uma das canções mais medianas de todo o material, mas mesmo assim consegue ser superior a muitas faixas lançadas ultimamente por outros produtores.

O Galantis é formado pelos produtores suecos Christian Karlsson e Linus Eklöw, onde cada um tem seus ótimos projetos fora o duo. Chris está no Bloodshy & Avant e Linus é também o famoso produtor Style Of Eye.

Talvez seja essa individualidade produtiva que quando unida em “Pharmacy” faça deste álbum de estreia do Galantis uma porrada viciante do ínicio ao fim.

Faixas como “In My Head” – próximo single de trabalho dos caras –, “Call If Need Me” e “Don´t Care” são faixas que tem todo o potencial para se tornarem os novos hinos dos caras nas principais baladas pelo mundo a fora.

Mas se a tarefa dificílima de escolher os pontos altos do álbum fossem obrigatórios, este colunista simplesmente diria que “Kill´ Em With the Love” e “Water” são as donas destes postos. A primeira é algo que foge de todo o estilo de produção do duo, e tem viradas sensacionais de te fazer apertar repeat sem perceber. Já a segunda tem toda a sintonia sonora de ser “a” canção do álbum, com um refrão e um vocal meio lírico que gruda nos ouvidos muito rápido. Curiosamente ela é a faixa que fecha o álbum e também a favorita tanto de Linus como de Christian, sugerindo que futuramente será um single oficial.

Se bem, como disse, que escolher não é obrigatório. Então pega esse álbum do Galantis – que com certeza já é um dos melhores álbuns do ano – e se vicie!

Share on facebook
Compartilhar no Facebook
Share on twitter
Compartilhar no Twitter
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

Quer aprender a produzir a sua própria música?

Compre agora o curso Make Music Now com 10% de desconto na inscrição e soundbank do Studio Tronnic para Sylenth1 grátis!.

RECEBA NOVIDADES

ÚLTIMAS NOTÍCIAS