Análise

Famoso edit de clássico de Chico Buarque ganha lançamento oficial

L_cio Construção
Bootleg feito por L_cio e K_Ri em 2013 virou hino underground e agora é lançado oficialmente pelo selo de Gui Boratto.

Se você andou frequentando, em algum canto do Brasil, festas da chamada cena underground de house/techno nesses últimos quatro anos, é bastante provável que tenha se deparado em algum momento — sobretudo nas finaleiras — com essa faixa. A batida 4×4 entra mixada com a música anterior, despretensiosamente; de repente, surge a marcante voz de Chico Buarque entoando a poesia de uma de suas mais famosas canções, acompanhada por uma beat firme, que a torna extremamente dançante.

O edit de L_cio [foto] e K_Ri para “Construção” foi um hino de baladas brasileiras por bastante tempo, fossem elas nos clubs, nas ruas ou em fábricas desativadas. Agora, ganha lançamento oficial, com a benção da Nossa Senhora dos Direitos Autorais e a assinatura da D.O.C. Records — selo do Gui Boratto, braço da gigante alemã Kompakt.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
...

A faixa sai em EP [vinil e digital], representada por duas novas versões: o edit original, levemente rearranjado, remasterizado e agora precedido por uma introdução de samba; e um dub, feito por L_cio com o próprio Gui Boratto.

Ao Music Non Stop, o DJ e produtor contou como aquele bootleg lançado despretensiosamente em 2013 deu essa volta até sair agora oficialmente, com toda a pompa, no que se tornou o primeiro remix oficial da canção de Chico. “O processo todo começou quando o selo da Gop Tun teve interesse em lançar. A partir daí, entramos em contato com o advogado que fez o processo de licenciamento/autorização. No meio do processo, mudamos o lançamento para o D.O.C. e também decidimos trabalhar em cima da versão e de uma nova — dub. Foi tudo feito de maneira legal, via advogados”, resumiu L_cio, em conversa com Claudia Assef.

A jornalista ainda destacou o pioneirismo do edit, que surgiu em uma época em que músicas com vocal em português nas pistas de house ou techno eram raras:  “Pense aí: quatro anos atrás, início da onda de festas independentes, techno em alta. Uma faixa de MPB na pista, naquele momento, era um baita tiro no escuro. Mas Construção, naquela primeira versão de L_cio, não só rolou nas festas como acabou virando um clássico, abrindo ouvidos e astral para que mais músicas em português se engendrassem nesse universo”.

Você pode conferir a entrevista completa no Music Non Stop.

Flávio Lerner é editor da Phouse; leia mais artigos de sua coluna.

CONFIRA TAMBÉM:

EXCLUSIVO: Claudia Assef confirma nova edição de “Todo DJ Já Sambou”

Como foi o primeiro Dekmantel em São Paulo

Lúdico, subversivo e impactante: conheça o universo de Carlos Capslock

Dos primeiros discos ao lançamento pela Innervisions de Dixon; uma entrevista exclusiva com Davis

Faixa do ano? Jamie xx se supera em novo edit para The xx

Deixe um comentário

No Comments Yet

Comments are closed