Cambismo
Nomes como Ed Sheeran e Arctic Monkeys vêm implementando estratégias efetivas

A farra de cambistas já é bem conhecida no Brasil e no mundo. Naturalmente, porém, a comunidade artística não vê com bons olhos a comercialização ilegal, e enfim começa a criar estratégias para impossibilitar a prática. Um dos exemplos mais notáveis é o cantor pop Ed Sheeran, que cancelou dez mil ingressos de sua turnê, no Reino Unido, para combater a comercialização ilegal.

A equipe do cantor analisou as vendas para identificar cambistas e cancelou os ingressos vendidos ilegalmente, bem como os adquiridos pelo site Viagogo. Aqueles que compraram entradas para uso individual não foram afetados, pois a equipe ajudou o público a obter restituições e a comprar ingressos originais com preços justos. Segundo informações da assessoria do cantor, mais de 240 mil libras (mais de R$ 1,1 milhão) foram devolvidas aos compradores.

+ Indústria da dance music registra 1ª queda em 5 anos, aponta relatório do IMS 

Para evitar que mais ingressos sejam desviados para cambismo, Sheeran implementou algumas condições para a compra dos tickets. Além de incluir os dados pessoais do comprador (nome e ID), ele limitou o número de ingressos a quatro por cliente. Todos os demais adquiridos de maneira “alternativa” seriam cancelados.

A luta contra os cambistas parece estar começando a dar resultados mais expressivos. A banda Arctic Monkeys adotou um modelo similar para sua turnê, também no Reino Unido — e nós sabemos que muitos dos grandes eventos de dance music vêm implementando medidas semelhantes. Será que essa moda pode pegar aqui no Brasil?

+ CLIQUE AQUI para ler mais notícias sobre mercado

Receba novidades no e-mail

Receba o melhor da Phouse em seu email!

:::. ALEATÓRIAS / LEIA TAMBÉM

5 motivos para conhecer LoudTech

Com apenas 20 anos, o DJ e produtor vem se destacando em alta velocidade

Diplo goes house: escute o EP houseiro do DJ americano

Produtor começa nova fase voltada às batidas 4×4

“Você aprendia na raça”; Anderson Noise fala sobre os 20 anos de Noise Music

DJ preparou coletânea com lançamentos do selo através das décadas

É tetra: Green Valley é #1 pela quarta vez no ranking da DJ Mag

Outros quatro clubes brasileiros também estão presentes no Top 100

Escute os mais novos lançamentos da Alphabeat Records

Cover de Seu Jorge por Joe Kinni e Sambô, nova do Make U Sweat com o WOAK e acústico do Rakka com o BWAXX

Prodigy convida fãs para cortejo fúnebre de Keith Flint

O corpo do músico será velado nesta sexta-feira

Artist Factory anuncia nova agência de booking

Box Talents surge através da parceria com os bookers Victor Sornas e Luis Claudio Boka

DJs brasileiros tocam em evento da Dirtybird em Miami

Bruno Furlan, DJ Glen e Volkoder representam o Brasil na Dirtybird Players desta sexta

Retorno do Swedish House Mafia será tema de mostra de arte

Chamada “Purgatorium”, a exposição trará fotos do trio registradas por Alexander Wessely

Collab a seis mãos: KVSH, Flakkë e Beöwulf lançam “Me Gusta”

Track saiu nesta sexta-feira, via HUB Records