Connect with us
Federal Leaderborder
Banner Sundance Leaderborder

Notícia

Clubes de Berlim farão protesto contra partido político de direita

Phouse Staff

Publicado em

25/05/2018 - 13:34
Protesto
Rave protesto em frente ao Parlamento na Georgia. Foto: Vakho Kareli/Georgian Journal
A manifestação será realizada neste domingo

O coletivo de clubes alemão Reclaim Club Culture está organizando um ato público em Berlim para este domingo, 27. A ideia é mobilizar uma grande festa eletrônica de rua para se manifestar contra a passeata dirigida pelo partido político alemão de direita Alternative für Deutschland (AfD), que acontece no mesmo dia. Segundo o Resident Advisor, a passeata do AfD pode reunir até dez mil pessoas pelo país, no que seria “uma das maiores mobilizações da extrema direita dos últimos anos”.

A iniciativa conta ainda com vários contraprotestos pela cidade, unindo representantes de dezenas de clubes e partidos no bairro central de Mitte, em Berlim. “Não estamos dispostos a tolerar a pressão contínua da extrema direita contra tudo o que a cena clubber de Berlim representa”, disse uma fonte anônima ao RA.

É possível que esse ato político tenha relação com os protestos recentes na Geórgia, que surgiram depois da polícia local ter agido com violência em operações contra o narcotráfico em dois clubes do país.

Manifestação na Georgia. Foto: Vakho Kareli/Georgian Journal

Rave protesto

No dia 12 de maio, milhares de manifestantes protestaram dançando em frente ao parlamento da Geórgia, no que eles chamaram de “rave protesto”. A rave protesto começou espontaneamente logo após ataques policiais aos clubes Bassiani e Café Gallery, que ficam em Tbilisi, capital do país.

Os atos se dividiram em dois dias: um iniciado na noite do ataque e outro organizado na tarde do dia seguinte. As reivindicações dos manifestantes incluíram a renúncia do Ministro do Interior da Geórgia, Giorgi Gakharia, que ordenou os ataques, assim como o Primeiro-Ministro Giorgi Zirakashvili, além de uma mudança na política de combate às drogas. O manifesto contou com os DJs da programação de sexta-feira no Bassiani, Ateq, Sa Pa e DJ Dustin, que tocaram para uma multidão estimada em milhares de pessoas.

A polícia georgiana alegou que os ataques foram uma tentativa de prender oito traficantes em resposta a cinco recentes mortes relacionadas ao consumo de drogas em Tbilisi. Um defensor público que trabalhava no caso, porém, afirmou que os traficantes em questão já haviam sido presos previamente no mesmo dia, horas antes dos ataques, levantando suposições para o motivo real da ação.

A mídia local ainda informou que 70 pessoas foram presas nos atos — inocentes, de acordo com os manifestantes. Segundo o Ministério do Interior, os que não tinham acusações criminais foram liberados. O Bassiani ainda alegou que as ações de opressão contra o funcionamento do local não se limitam ao ataque de 12 de maio.

LEIA TAMBÉM:

DANÇAR É UM ATO POLÍTICO: Assista a documentário sobre os coletivos de festas que revolucionaram SP

Techno político: O Jean-Michel Jarre fez uma faixa com ninguém menos que o “herói/terrorista” Edward Snowden

Lei de quase 100 anos que proibia dançar enfim é revogada em Nova Iorque

RECEBA NOVIDADES NO E-MAIL

Deixe um comentário

Notícia

Muitos remixes e um álbum de estreia; confira 10 destaques da sexta

Nossa seleção com mais minutos de música já feita

Phouse Staff

Publicado há

Lançamentos
Foto: Reprodução

De todas as seleções de música nova de sexta que fazemos semanalmente, esta é certamente a que mais traz faixas e minutos de música somados até hoje. São dez lançamentos selecionados, como de praxe, mas desta vez, trazemos muitos pacotes de remixes.

Além dos já mencionados remix de Doozie e MOJJO para “Soy Yo” e o EP da Anny Mello — sem contar os três singles promovidos pela Alphabeat —, esse dia 21 ainda trouxe discos de remixes de Axwell λ Ingrosso, Zedd e Dimitri Vegas & Like Mike, entre diversos outros novos sons. Além disso, pela primeira vez trazemos um álbum inteiro em nossa seleção. Se liga:  

Via UMGAxwell e Ingrosso lançaram seu pacote de remixes para “Dancing Alone”. O EP traz produções de BROHUG, minds&manchines e CYA, que vão do deep house ao trance.


Dimitri Vegas & Like Mike não economizaram nos remixes para  “When I Grow Up”, com o Wiz Khalifa. A música lançada no início do ano ganhou agora “apenas” seis remixes num EP pela Smash the House. O disco traz remixes para todos os gostos, incluindo hardstyle, tropical house e future bass.


Outro que entrou na onda foi o Zedd, com cinco novas versões de seu último single, “Happy Now”. Marc Benjamin, BEAUZ, Duke & Jones,  MXXWLL e Magnificence produziram remixes bem personalizados e incrivelmente diferentes, mas sem desconstruir o romantismo da track.


E pra fechar a sessão de remixes, tivemos também o segundo volume de reedições de “Satisfied” e “Mama Look At Me Now”, do Galantis. As quatro novas músicas chegam pela Atlantic Recordings e foram produzidas por SaganLEFTI, Sagan, Fox Blanco & Papa Bear e Carta.


Partiu “original mixes”, pra variar um pouco? Às vésperas de lançar seu novo álbum, THE TRIP HOME, o veterano Crystal Method trouxe mais um novo single, “Ghost In The City”, em colaboração com Le Castle Vania. Via Tiny E Records, a música traz aquela mistura inconfundível de dance music com rock, na voz da cantora e compositora Amy Kirkpatrick.


Para quem curtem um tech house ᴮᴿ fresquinho, ninguém menos que o Volkoder fez sua estreia na Dirtybird, conceituadíssimo selo do Claude VonStroke. O paulistano veio com duas faixas, “How” e “I Talked”, que formam o EP How I Talk.


Outro super lançamento da sexta foi “Like That”, nova aposta da Protocol de Nicky Romero. Trata-se de uma collab entre os holandeses Thomas Newson e Sam Void, que trazem uma house bem bouncy, melódica e pisteira. Inclusive, Void e Newson vão estar entre os DJs da festa “Nicky Romero Presents: Protocolo x ADE ’18”, que faz parte do ADE agora em outubro.


Tem mais brazuca na área: “Revolution” é resultado do trabalho do Constantinne com o duo Rozzen, que chegou via Liboo/Universal Music Brasil. Com os vocais de Evan Andree, cantor americano que já até trabalhou com o Vintage Culture, a música é praticamente uma mistura de synth pop com brazilian bass, trazendo uma letra poderosa sobre independência e revolução.


Ainda dentro das produções brasileiras, mas em uma pegada mais tropical e “radio friendly”, Zerb lançou pela almejada Spinnin’ Records a canção “With You”, com a cantora Giulia Be. O single começou a ser composto há um ano e meio, quando o produtor, um pouco antes de embarcar em uma turnê, sentiu vontade de mostrar a sensação de ficar longe das pessoas que se gosta.


E pra fechar, uma obra muito especial para um dos nomes mais expressivos do cenário eletrônico global. San Holo enfim surgiu com seu álbum de estreia, chamado sugestivamente de album1. Apesar do título básicão, o disco é bem inovador e caracteriza um marco na carreira do holandês. Com 12 músicas, chegou via bitbird e, segundo o artista, foi produzido com amigos num Airbnb em Los Angeles, criado com instrumentos reais e depois gravado em fita cassete.


+ CLIQUE AQUI para relembrar os lançamentos da semana anterior

Continue Lendo

Notícia

Rock in Rio anuncia datas para 2019

Festival será no segundo semestre do ano que vem

Phouse Staff

Publicado há

Rock in Rio 2019
Foto: Reprodução

A produção do Rock in Rio anunciou hoje as datas para sua próxima edição em solo nacional. O bombado festival carioca vai rolar nos dias 27, 28 e 29 de setembro e 03, 04, 05 e 06 de outubro de 2019. O local será o mesmo deste ano: o Parque Olímpico, na capital fluminense.

A única atração confirmada até este momento é Anitta. Além disso, outra novidade é o chamado “Espaço Favela”, que deve trazer uma programação voltada ao funk carioca. O palco eletrônico, desta vez, será assinado pelo empresário Claudio da Rocha Miranda Filho (sócio-diretor do Brazil Music Conference), que assume a direção artística do espaço.

As vendas do Rock in Rio Card (uma espécie de “early bird tickets”) abrem no dia 12 de novembro, a partir das 19h, pelo ingresso.com.

LEIA TAMBÉM:

Fundador do Rock in Rio anuncia novo festival para o ano que vem

Empresário se diz desmotivado para continuar com o Rock in Rio no Brasil

Maior e com nova cenografia: Rock in Rio revela projeto do palco eletrônico

ODESZA surpreende com “balé de drones” no Coachella

Fundador do BRMC fala sobre mudança para SP e os 10 anos da conferência

Continue Lendo

Notícia

Aftermovie do Ultra traz imagens inéditas do Swedish House Mafia

Ingressos para a edição de 2019 já estão à venda

Phouse Staff

Publicado há

Ultra Aftermovie 2018
Foto: Screenshot

Depois de alguns filmes menores, a produção do Ultra Music Festival enfim liberou o aftermovie oficial e em alta qualidade da sua edição especial de 20 anos.

Em quase 15 minutos, o filme dirigido por Charly Friedrichs traz aquele roteiro que já estamos acostumados, ilustrando bem os momentos de chegada, desenvolvimento (com seus mais diversos palcos) e final apoteótico do festival, com highlights tanto nos artistas quanto no público que fez a festa naqueles três dias de março.

+ CLIQUE AQUI para ler mais notícias sobre o Swedish House Mafia

O final, como não poderia deixar de ser diferente, traz diversas cenas de um dos momentos mais importantes para a cena EDM no ano: o retorno do Swedish House Mafia. O vídeo intercala imagens de fãs acompanhando a transmissão ao vivo pelo mundo inteiro com cenas inéditas da apresentação dos três suecos — que agora, além de momentos de bastidores, podem ser vistos bem de pertinho, diferentemente do live stream.

Curiosamente, a trilha das cenas finais não é “Don’t You Worry Child”, “Save the World” ou qualquer outro som dos caras, mas “Tim”, o som feito por ARTY para homenagear Avicii. E casou muito bem. Assista: 


Além do aftermovie, o Ultra iniciou hoje as vendas para a edição de 2019. A situação de impasse em relação ao Bayfront Park está marcada para ser resolvida nesta quinta-feira, 27 — isto é, se não for adiada mais uma vez.

Para quem está pensando em embarcar nessa viagem, confira aqui os pacotes da GoFestivals.

Tracklist do aftermovie:

  1. Yves V & Futuristic Polar Bears – Running Wild (feat. PollyAnna)
  2. Kid – Piñata
  3. Armin van Buuren feat. Conrad Sewell – Sex, Love & Water (Sunnery James & Ryan Marciano Remix)
  4. Reebs – Back Again 
  5. Toby Green – Control
  6. Adam Beyer & Bart Skils – Your Mind
  7. FISHER – Losing It
  8. Magnificence & Steff da Campo – Out Of My Mind 
  9. Nicky Romero – Duality
  10. ARTY – Tim

LEIA TAMBÉM:

Ultra Miami abre pré-registro para 2019

Comissão que decide o futuro do Ultra Miami é adiada

Edição de 20 anos do Ultra foi boa, mas entregou menos do que prometeu

Arty homenageia Avicii em novo single; escute “Tim”

Swedish House Mafia “de volta pra valer”

Continue Lendo

Publicidade

Sundance (300×250)
Federal Music 300×250

Facebook

PLAYLIST

Trending

-->

Copyright © 2018 Phouse

Translate »
Sundance Pop Up