Connect with us
XXX Leaderborder
Burn Residency – Leaderborder
Federal Leaderborder
Cat House Leaderborder

Notícia

Após grande edição em Manaus, PUMP Black Party desembarca no Pará

Luckas Wagg

Publicado em

16/11/2017 - 11:26
PUMP Santarém
Festa rola nesta sexta-feira, em Santarém, com direito a B2B entre Vintage Culture e ILLUSIONIZE

Na última semana, embarcamos rumo à capital da Amazônia para uma festa que fez jus a sua promessa de ser uma das maiores festas de Halloween do Brasil. Reunindo aproximadamente 20 mil pessoas e artistas como Alok, SEVENNSelva e Shapeless, a PUMP Black Party aconteceu às margens do Rio Negro, na Praia do Hotel Tropical.

Além do grande público, boa música, fogos e efeitos especiais no palco, um dos nossos grandes destaques ao festival fica para sua organização exemplar. Ficamos impressionados com todo o trabalho por trás da PUMP — desde o local escolhido à logística, ao bar e até o camarim. Na pista, foram mais de 180 banheiros químicos instalados, para o maior conforto do público.

Com início às 22h, o festival se estendeu até às 08h da manhã, com direito a retorno do Alok ao palco. O DJ já havia se apresentado às 02h e retornou às 07h com um set eletrizante para celebrar o nascer do sol. Sem dúvidas, um dos momentos mais bonitos do festival.

Dando continuidade à sua trilogia com o tema Black Party, a PUMP segue nesta sexta-feira, 17, com mais uma edição em Santarém, no Pará. A festa rola na chamada Arena PUMP, um novo espaço do Iate Clube, a partir das 21h; as atrações ficam por conta de Vintage Culture, ILLUSIONIZE, JØRD e Luiz Salla. Depois de tocarem individualmente, o Vintage e o ILLUSIONIZE também tocam em B2B. Os ingressos estão disponíveis no Prime Ingressos.

Luckas Wagg é CEO da Phouse.

LEIA TAMBÉM:

Conheça a PUMP Black Party, uma das maiores festas de Halloween do Brasil

ILLUSIONIZE assina com Armada Music e confirma álbum para dezembro

Motivado para exportar os bons nomes do Brasil, ILLUSIONIZE lança selo

Conheça o autor dos cliques de Vintage Culture, Só Track Boa e Kaballah

JØRD se junta com o baiano DanV para lançar mais um petardo; confira!

RECEBA NOVIDADES NO E-MAIL

Deixe um comentário

Notícia

Ouça “Happy Now”, single de Zedd com Elley Duhé

Phouse Staff

Publicado há

Happy Now
Foto: Reprodução
Faixa saiu nesta quarta, via Interscope

Saindo da rotina dos lançamentos tradicionais de sexta, Zedd pintou com novo single nesta quarta-feira. Sucedendo seu superhit “The Middle”, com Grey e Maren Morris — maior sucesso de dance music do ano até agora, segundo a Billboard —,  “Happy Now” traz a voz da cantora americana Elley Duhé.

A dupla já havia performado a música ao vivo no Zedd in the Park, em Los Angeles, e agora teve a canção lançada oficialmente pela Interscope. Mais lenta e pop, a faixa definitivamente traz a faceta mais radiofônica — e menos pisteira — do produtor. “‘Happy Now’ é a minha música mais orgânica em um bom tempo”, declarou o artista, via assessoria de imprensa. “A maior parte do que você escuta nela foi gravada com instrumentos; muito piano, muita guitarra. Liricamente, é uma canção alegre e triste ao mesmo tempo, enquanto musicalmente, leva para um clima mais feliz e ensolarado.”

“Para mim, esta é mais do que uma música”, acrescentou a cantora. “É um momento ímpar da minha vida, a oportunidade de ouro de trabalhar com um dos maiores DJs e produtores da nossa era. ‘Happy Now’ é sobre poder somar forças com desconhecidos para fazer algo belo, cantar algo significativo, compartilhar algo especial. Obrigada a todos envolvidos em fazer essa música, e por me deixarem fazer parte do mundo de vocês.”

LEIA TAMBÉM:

Chainsmokers e Zedd lideram charts de dance music no 1º semestre de 2018

Com seu próprio festival nos EUA, Zedd teve “melhor show da carreira”

Depois de dois anos, Diplo e Zedd voltam a se engalfinhar no Twitter

Zedd foge da EDM em trilha para série da National Geographic

Continue Lendo

Entrevista

Cat Dealers revelam novos planos e curiosidades sobre parceria com Cleo Pires

Phouse Staff

Publicado há

Cat Dealers Cleo
Foto: Reprodução
Dupla remixou uma das primeiras canções de Cleo na nova carreira

Na semana passada, como você viu aqui na Phouse, os Cat Dealers se destacaram com um remix para “Jungle Kid”, música da cantora Cleo — mais conhecida como a atriz global Cleo Pires, que lançou recentemente sua carreira paralela no mundo da música. A original é a faixa-título de EP lançado em março, com outras quatro faixas.

Mas como será que pintou essa inusitada parceria entre um dos duos de maior sucesso do cenário eletrônico brasileiro e uma das celebridades mais famosas do país? Pra responder a essa e a outras perguntas, Lugui e Pedrão tiraram um tempinho na agenda para contar à Phouse um pouco dos bastidores do remix — e ainda prometem novidades para o futuro breve com a artista! Leia abaixo:

Como surgiu a oportunidade para remixar a música?

Tivemos o prazer de receber o convite da Cleo e da equipe dela, que já conheciam e curtiam muito o nosso trabalho — incluindo nossa amiga BIAN, que é DJ, compositora e produtora musical, e também foi uma das compositoras da “Jungle Kid”. Ficamos super honrados e animados com essa produção.

Como foi o contato que tiveram com a Cleo no processo de produção do remix? Vocês já a conheciam pessoalmente?

Tanto nós quanto a Cleo temos uma rotina muito corrida. Além da carreira musical, ela está gravando a novela das sete, e estávamos nos preparando para a nossa tour na Ásia. Tivemos um contato à distância, mas intenso e produtivo para trocar uma ideia e alinhar a parceria. Graças à tecnologia, isso é possível e funciona (risos). Fizemos contato por telefone, whatsapp e por aí vai. E, no fim, quando mostramos o resultado final, ficamos muito felizes com a reação dela.

Já nos cruzamos em alguns eventos, antes mesmo de surgir o convite para fazer o remix, mas pessoalmente mesmo deve acontecer em breve. Estamos combinando novos projetos juntos, e esse encontro deve acontecer logo. Fiquem ligados, porque virá acompanhado de novidades!

+ Tiësto, Justice, Camelphat, Cat Dealers… Confira os novos sons do final de semana!

Quais foram os principais desafios para remixar “Jungle Kid”?

O principal desafio foi transformar a “Jungle Kid”, que tem uma pegada bastante diferente do que costumamos fazer, em um remix que encaixasse também na nossa sonoridade. O BPM original da música, por exemplo, era mais lento, mas conseguimos aumentar sem deixar a vibe incrível da original se perder. Estávamos sempre tocando o remix nos shows, e a resposta tem sido ótima. Inclusive nossos amigos DJs sempre vinham perguntar o nome da track, se era alguma cantora gringa ou algo do tipo.

Como é participar dos primeiros passos na música de uma estrela global já consolidada?

Nós ficamos muito felizes pela confiança que tiveram na gente. Poder participar desse início de carreira musical da Cleo foi uma oportunidade incrível e, por isso, tivemos o máximo cuidado nessa produção, principalmente por ela já ser uma artista consolidada, com uma grande trajetória.

Se tivessem que dar uma dica musical para a Cleo na nova carreira, qual seria?

A nossa maior dica, não só para ela, mas para todos, é se manter rodeada de pessoas do bem, que possam ajudar nessa jornada, e de se manter fiel a si mesma, às suas produções e aos seus instintos. Não há nada melhor, tanto para a artista quanto para os fãs, quando a música vem da alma, com verdade.

* Além desse papo, entrevistamos o duo sobre a festa Cat House, cuja próxima edição rola em 04 de agosto, em BH. Assista aqui.

Continue Lendo

Notícia

Tomorrowland revela mais detalhes da transmissão ao vivo

Phouse Staff

Publicado há

Tomorrowland 2018
Foto: Reprodução
Festival começa nesta sexta-feira

Depois de anunciar na semana passada a transmissão ao vivo para este ano, o Tomorrowland revelou nesta tarde mais detalhes do que poderá ser assistido por fãs de todo o mundo pela web. Segundo a assessoria do festival, a transmissão se dividirá entre os palcos Mainstage, Musical Freedom, Anjunabeats e Organ of Harmony (dia 20); Mainstage, Axtone, Diynamic e STPMD (dia 21); Mainstage, Smash The House, My House e ANTS (dia 22); Mainstage, A State of Trance, Pryda e Organ of Harmony (dia 27); Mainstage, Freedom, Q-dance e Lost Frequencies (dia 28); e Mainstage, Smash The House, Atmosphere e Coone & The Gang (dia 29).

Isso significa que nomes como Above & Beyond, Afrojack, Alesso, Armand van Helden, Armin van Buuren, Axwell Λ Ingrosso, Dave Clark, David Guetta, Dimitri Vegas & Like Mike, Hardwell, Jauz, Kölsch, Lost Frequencies, Martin Garrix, Martin Solveig, NERVO, Netsky, Nicky Romero, Nina Kraviz, Paul Kalkbrenner, Solomun, Steve Angello, Sunnery James & Ryan Marciano, Sven Väth e Yves V estão entre as 200 atrações a serem cobertas pelos quatro canais de live streaming durante os seis dias de festa.

Os horários e respectivos canais de cada palco/atração, entretanto, ainda não foram revelados.

LEIA TAMBÉM:

Tomorrowland terá visão privilegiada de eclipse lunar com “Lua de Sangue”

Continue Lendo

Publicidade

Federal Music 300×250
Cat House 300×250
XXXperience 300×250
Winter Music 300×250

Facebook

PLAYLIST

Trending

-->

Copyright © 2018 Phouse

Translate »
Cat House Pop Up