Connect with us
Sollares Leaderborder
Go Festivals – Tomorrowland Winter Full

Skol anuncia grande festival de EDM dos mesmos produtores do Tomorrowland

Phouse Staff

Publicado em

05/12/2014 - 10:49

Skol Summer On  Tomorrowland brasil

Do mesmo grupo internacional que realizará o Tomorrowland Brasil, festival leva para a praia alguns dos maiores DJs do mundo e convida o público a curtir o verão além do pôr do sol

Aperte o ON e saia da rotina. Este é o convite da Skol para que o consumidor viva o melhor deste verão. Para traduzir o espírito, a marca apresenta um mais surpreendente festival de música eletrônica que irá comemorar os dias quentes com tudo que a estação tem de melhor: praia, sol, música e diversão. Este é o mood do Skol Summer On, evento que vai reunir DJs nacionais e internacionais, totalizando mais de 50 horas de festa, em paradisíacas e badaladas praias do litoral brasileiro.

O Skol Summer On aposta em nas diversas vertentes da música eletrônica, do estilo mais comercial até o underground, para agradar todos os gostos e tornar a festa memorável. O line-up acompanha a essência da estação: a festa começa durante o dia com clima chill out e que vai transformando-se em balada depois do pôr do sol. Subirão ao palco e dividirão as pick ups DJs consagrados como Dirty South, Alok, Cedric Gervais, Felguk, entre outros.

A grandiosa produção internacional foi capitaneada pela Plus Talent, empresa brasileira pertencente ao grupo SFX, maior plataforma mundial de eventos, mídia e conteúdo de entretenimento ligados à cultura de música eletrônica. No portfólio, festivais como Tomorrowland, considerado um dos mais mais criativos e completos eventos musicais da atualidade, além de Sensation, Mysteryland, Awakenings e Electric Zoo.

A estrutura, que será sempre montada em locais à beira da praia, contará com dois palcos, elementos interativos e lúdicos que fazem referência a um parque de diversões para adultos, além de uma cenografia diferente de tudo que já foi feito: a praia mistura-se à composição moderna, com painel de LED de seis metros de altura no palco, telão com imagens em real time do próprio evento, lounges e área VIP, composta por tendas que contarão com serviço exclusivo.

“Queremos que o evento seja lembrado como uma grande comemoração do verão. Nosso objetivo é que sintam-se em um grande festival, porém, com o ineditismo da experiência na praia e tudo que este cenário envolve. É a maior produção que já fizemos e temos certeza que vai surpreender”, conta Thiago Hackradt, gerente de plataformas da Skol.

O Skol Summer On vai percorrer o litoral brasileiro, passando por praias de diferentes estados: Porto de Galinhas-PE (03/01), Arraial d´Ajuda-BA (10/01), Rio de Janeiro (17/01) Maresias-SP (24/01) e Jurerê-SC (31/01).
A estreia em Porto de Galinhas acontece com Mario Fischetti, Kolombo, Alok, Bruno V, Digitaria e outros. O evento acontecerá na praia de Maracaípe, um dos points mais conhecidos de Pernambuco.

Durante o festival, passarão pelos palcos também artistas do Selo Skol, projeto que surgiu para fomentar o mercado independente da música produzida no país: Funky Fat, banda mineira de indie eletrônico, Tropkillz, dupla formada por Zegon e Laudz que já tocou até na final do Super Bowl e Karol Conka, MC curitibana que lançou em 2013 o elogiado disco Batuk Freak.

“Um line-up de qualidade não poderia ficar de fora deste grande evento. Tivemos muito cuidado na escolha, que foi feita junto com a SFX, maior especialista no assunto”, finaliza Hackradt.

Line-Up – Confira a programação completa:

Recife:
-Mario Fischetti
-Bruno V
-Kolombo-
-Alok
-Digitaria
-Fran Bortolossi
-Lex Empress

Bahia:
-Alok
-Gregor Salto
-Nervo
-Kolombo
-Digitaria
-Funky Fat
-Fran Bortolossi
-Dj Patife
-Lex Empress

Rio Janeiro
-Cedric Gervais
-Mario Fischetti
-Tropkilazz
-Patrick Topping
-Leo Janeiro
-Lex Empress

Maresias
-DVBBS
-FTAMPA
-John Digweed
-Alok
-Dj Patife
-Lex Empress

Jurerê
-Dirty South
-Don Diablo
-Gui Boratto
-Daniel Kuhnen
-Digitaria
-Leo Janeiro
-Lex Empress

SOBRE OS DJ’s

Alok
Alok herdou o fundo e o gosto musical através dos pais, os DJ’s Swarup e Ekanta, ambos pioneiros no cenário da música eletrônica no Brasil. Desde cedo ele seguiu os pais em tours e festivais que consequentemente o deixaram imerso no cenário musical. De longe é o artista que mais cresce no Brasil, com mais de 4,5 milhões de músicas executadas no Soundcloud.
Cedrig Gervais
O DJ fez um, acordo com a grande gravadora Universal Worldwide ( Polydor / Interscope ) . Este é apenas algum dos feitos de Cedrig. É francês e, atualmente, residente em Miami. residente Miami Gervais é um dos DJs mais procurados da casa e um dos maiores produtores de música eletrônica do mundo.

Daniel Kuhnen

Daniel nasceu e foi criado no templo da música eletrônica da América do Sul para, mais tarde, tornar-se um DJ residente local. Ele é conhecido como o cara certo para preparar a pista de dança e cria o clima certo para os amantes de eletrônica. É um dos melhores DJs da nova onda Brasileira de aficionados por eletrônica.

Digitaria

Daniela Caldellas e Daniel Albinati são os nomes por de trás da Digitaria. Eles vêm do Brasil e começaram a tocar juntos com uma banda de quatro integrantes em 2004 . Faziam experimentos de música e dança com uma grande variedade de influências, o que resultava em melodias inusitadas . A filosofia por trás de sua música nunca mudou com o passar dos anos – a música eletrônica nuncadeverá ter limites, a criatividade e os sentimentos são as únicas coisas que importam. Não deve haver regras para a criação.

Dirty South

Dirty South é um DJ de renomeado mundialmente. Tem dois Grammy produtor e foi produtor do festival global.Dirty tem colaborado com alguns produtores de importância, incluindo Axwell, com quem ele também dividiu o estúdio de criação de seu remix indicado ao Grammy Trap’s ‘Sweet Disposition’
Foi indicado duas vezes ao Grammy, duas vezes ao ARIA e vencedor do ‘’Essential New Tune’’

DJ Patife

Esta lenda não precisa de introdução para o povo brasileiro. Foi o primeiro DJ a tocar com vinis durante o carnaval em Salvador e criou um cenário todo novo no Brasil. Patife é a figura que trouxe a cultura eletrônica para o Brasil.

Don Diablo

Don Diablo já passou por lugares como o Reino Unido , EUA, Austrália , Japão, Brasil e Israel, e Desfrutando de grandes experiências com artistas como Kelis , Diplo , Sydney Samson e remixes com Tinie Tempah , Mika , The Chemical Brothers , Cassius , Gorillaz , Public Enemy e Iggy Pop .

DVBBS

Estes dois irmãos canadenses são responsáveis por uma das maiores faixas de 2013 .A faixa deles foi um enorme sucesso em mais de 15 países. Já se apresentaram com o Tiësto , Steve Aoki, Martin Garrix e Sander van Doorn .

Elekfantz

Após a deslumbrante faixa “Wish”, em 2013, e do hit ” Diggin ‘on You “, o retorno Elekfantz que só pode ser chamado debrilhante. Seu álbum de estréia, ” Dark Tales & Love Songs ” comporta todas as melodias, harmonias íntimas exuberantes e tons orgânicos através dos quais a dupla se tornou conhecida.

Fran Bortolossi

O sul do Brasil é um lugar privilegiado para os fãs de música eletrônica: clubes , festivais e uma cultura que , na última década, tem composto um cenário rico e crescente. E é aí que Fran Bortolossi surge como um dos jogadores mais talentosos. É residente há mais de 5 anos no Clube Havana e toca nas principais baladas da região.

FTampa

Suas produções na Hardwell’s label Revealed Recordings and Spinnin’ Records abriu muitas portas para ele. Especialmente com a sua colaboração ao Quintino, ” Slammer “, que foi um enorme sucesso .

Gui Boratto

Nascido em 1974, em São Paulo Brasil, Gui Boratto , arquiteto, músico, compositor e produtor iniciou sua carreira no setor de publicidade em 1993. De 1994 até 2004 ele realizou vários trabalhos para inúmeras gravadoras nacionais e internacionais , como a EMI , Virgin , Irma , BMG , Edel , Vidisco , ZYX , entre outros.

John Digweed

Algumas carreiras de DJ são construídos sobre hype. A carreira de John Digweed é construído sobre a substância. Um dos DJs mais populares do planeta , seus sets nunca cair em desgraça com clubbers em todo o mundo , como sua agenda de show mundial implacável testemunha .

Kolombo

Oliver Grégoire Kolombo , é um produtor conhecido e DJ da Bélgica. Ele tem realmente domina a arte da produção moderna , e ao longo dos anos tem vindo a experimentar com vários gêneros de música de dança com vários pseudônimos , levando a uma enorme discografia que inclui lançamentos em algumas das melhores marcas de eletrônica do mundo.

Leo Janeiro

O DJ é agora um residente no MOB festival, garantindo o seu nome entre os melhores DJs do Brasil. Sua participação é também fundamental na concepção do Rio Music Conference – ele é ao mesmo tempo defensor e curador para a conferência – ,bem como A & R para Warung Recordings. A carreira de Janeiro como produtor musical também se desenvolveu em um ritmo acelerado , graças ao seu toque musical cheio de personalidade e também a parcerias bem sucedidas feitas ao longo dos anos

Lex Empress

Ela toca para um estádio como o Mysteryland ou canta para 40.000 pessoas no Sensation Lex Empres. É um compositora brilhante e improvisa quase todas as músicas que canta, trazendo uma familiaridade a todas elas.

Mario Fischetti

Mario Fischetti é o DJ # 1 de House Music. E não só no Brasil, mas também no resto da América do Sul. Além disso, é residente no Green Valley, que foi eleito por duas vezes o clube número 1 no mundo.

Nervo

Essas DJs estão na lista de ” Top 100 DJs ” da DJ Magazine. Por serem reconhecidas por todo o mundo, passam pelas de Ibiza, por Londres, pelo Main Stage do Electric Daisy Carnival , em Las Vegas. E onde quer que vão , a energia contagiante , o estilo pessoal sem medo, e profundo amor e compreensão são passados para os amantes de eletrônica.

Patrick Topping

Na demanda popular de 2014 foi um grande ano para Patrick . Com faixas sendo defendidas por Pete Tong e Annie Mac na rádio BBC lendário. Passou pela Austrália, Estados Unidos e América do Sul .

The Twelves

The Twelves é uma equipe de produção eletrônica dupla. O nome se deve ao fato de que ambos os membros, João Miguel e Luciano Oliveira, nasceram no décimo segundo dia do mês de julho. O grupo nasceu em 2005 no Rio de Janeiro e já fizeram remixes para artistas como Daft Punk, Asobi Seksu e Black Kids.

Tropkillaz

Tropkillaz é duo formado pelos dois principais produtores brasileiros , ambos da velha escola (DJ Zegon ) e nova escola ( Laudz ) .Dj Zegon é um dos mais respeitados DJs / Produtores do Brasil – com uma carreira de mais de 20 anos , e tendo trabalhado em mais de 100 registros , incluindo colaborações com Kanye West, MIA , David Byrne ( Talking Heads ) , George Clinton, alguns Wu Tang deputados ( RZA , Method Man , Ol’Dirty Bastardo ), entre outros . Ex-membro do grupo NASA , ele percorreu o mundo com o seu álbum de estreia, ” The Spirit of Apollo ” e realizado em festivais como o Coachella .

RECEBA NOVIDADES NO E-MAIL

Deixe um comentário

Notícia

Avicii: True Stories agora está disponível no Netflix

Phouse Staff

Publicado há

Foto: Reprodução

True Stories, o emocionante documentário que retrata a vida do sueco Avicii retornou à plataforma do Netflix nessa semana.

Dirigido por Levan Tsikurishvili, que acompanhou a rotina do artista durante quatro anos, o filme já esteve disponível no catálogo da plataforma para usuários da Europa ocidental e Escandinávia, porém foi retirado do ar logo após a morte do DJ.

Disponível para usuários dos Estados Unidos, Reino Unido e Austrália, True Stories ainda não tem previsão para ser liberado para o Brasil e outros países da América Latina.

Confira o trailler:


LEIA TAMBÉM:

Diretor do documentário de Avicii dá depoimento emocionante sobre o artista

Documentário sobre Avicii pode ser indicado ao Oscar

Bandeirão do Avicii entra em leilão para ajudar ONG contra o suicídio

Avicii, Swedish House Mafia, Guetta… Confira os DJs mais pesquisados no Google em 2018

Continue Lendo

Notícia

Confira os remixes de Scorsi e VINNE e Kohen para hit de Zeeba

Artistas imprimiram suas próprias identidades sem descartar a essência tropical de “Young Again”

Phouse Staff

Publicado há

Young Again
VINNE, Zeeba e Scorsi. Foto: Michelle Cadari/Divulgação

Lançada no fim de setembro, “Young Again”, do Zeeba, ganhou agora um EP de remixes. O pacote traz dois sons, com as visões estéticas de Scorsi e VINNE e Kohen em cima do hit. 

Em sua collab, VINNE e Kohen entregaram um remix que puxa a canção para um lado mais pista, com bassline marcada no drop, mas sem descartar a pegada tropical da original. A faixa de Scorsi mantém a mesma energia colorida, mas sem deixar de imprimir sua identidade future bass, com um drop melódico ainda mais explosivo. 

 

“Os dois são artistas que eu admiro muito. Eu já tinha trabalhado com o Scorsi nos remixes de ‘Hear Me Now’ e ‘Ocean’, então foi uma escolha baseada na nossa parceria de longa data, que sempre deu muito certo. O VINNE é outro artista que eu conheço há tempos, tem várias músicas que eu gosto, inclusive o remix de ‘O Sol’, do Vitor Kley“, revela Zeeba, em contato com a Phouse.

“Os dois têm interpretações bem diferentes. O Scorsi com uma pegada mais de future bass e o VINNE mais de brazilian bass, e acho que essas características foram essenciais para a originalidade do pack de remixes. São linguagens distintas, que trouxeram um toque a mais para ‘Young Again’, sem perder a minha essência na música”, concluiu o cantor e compositor.

Relembre o vídeo de “Young Again”, que já conta com mais de dois milhões de visualizações em menos de um mês.

  

LEIA TAMBÉM:

Alok e Scorsi lançam remix “fora da caixa” para “Ocean”

Apadrinhado por Alok, Scorsi é o 1º brasileiro a lançar EP pela Spinnin’

Remix de VINNE e Double Z para “O Sol” é lançado por selo de Rick Bonadio

Ouça “Still Alive”, faixa de Liu com Kohen e Dan K

Sucesso de DIMMI com Zeeba ganha videoclipe

Continue Lendo

Notícia

Alex Justino abre miniturnê internacional neste sábado

Cabeça da Nin92wo, o DJ é mais um brasileiro em processo de consolidação no exterior

Manoel Cirilo

Publicado há

Turnê Alex Justino
Foto: Divulgação

O DJ e produtor Alex Justino está prestes a começar mais uma série de apresentações em solo internacional. Depois da tour que fez pela China na metade deste ano, o goiano começa hoje, 20, a nova etapa ao desbravar a cena indiana, com uma gig no clube Utopia em Bangalore; amanhã, segue para a cidade de Hyderabad, onde se apresenta no Le’ Vantage.

Na semana seguinte, faz sua estreia em um dos maiores polos da música eletrônica, a Alemanha, embalando a noite da sexta-feira, 26, no renomado Sisyphos, em Berlim.

 

Alex vive um importante momento de sua vida profissional, e as novas datas no exterior confirmam a solidez atingida com sua carreira. A conquista de uma presença internacional representa apenas uma das esferas de sua atuação na indústria eletrônica, que também conta com uma ótima performance nos estúdios e à frente da gravadora Nin92wo, label cada vez mais forte no cenário techno nacional.

Justino faz parte do casting da D.AGENCY, uma das maiores agências de artistas do mercado eletrônico no Brasil, e segue uma identidade sonora marcante, que compartilha com o público tanto no formato de discotecagem quanto com o seu live set. Cada conquista do artista é resultado do seu esforço e do trabalho consistente que mantém em anos de atuação nas pistas. Certamente, a nova tour abrirá portas para um presença cada vez maior de Alex Justino no circuito internacional.

Manoel Cirilo é colaborador da Phouse.

LEIA TAMBÉM:

“Música enlatada não é nosso foco”; confira papo com Alex Justino

Ouça “Arquétipo II”, a nova coletânea do selo de techno etéreo Nin92wo

Novo lançamento da label Nin92wo traz duas faixas absolutamente poderosas para a pista

Continue Lendo

Publicidade

Sollares 300×250
Go Festivals – Tomorrowland 300×250

Facebook

PLAYLIST

Trending

-->

Copyright © 2018 Phouse

Sollares – Pop up