Connect with us
Banner Sundance Leaderborder

Notícia

Steve Angello afirma que fazer música pop é mais fácil que produzir som underground

Phouse Staff

Publicado em

18/06/2018 - 17:22
Steve Angello
Foto: Reprodução
Produtor soltou declarações sobre o tema em entrevista à Mixmag

Em entrevista publicada pela Mixmag na semana passada, Steve Angello afirmou que fazer música pop é muito mais fácil do que produzir música underground. “Sentar e criar um hit para o Top 40 é mais fácil do que fazer um techno, porque existe uma fórmula matemática para isso”, declarou o boss.

Quando perguntado por Geri Cela sobre sua facilidade em navegar entre os dois universos (mainstream e underground) e se a partir de agora focaria em um desses caminhos, Angello defendeu que a arte tem de ser verdadeira. “Eu vou apenas ser eu mesmo, sabe? Não sou muito afeito a tentar me enquadrar para o pop. Quando nós fizemos muito sucesso com o Swedish House Mafia, aquelas canções eram canções. Elas não foram feitas pensando em fazer sucesso, não fazíamos ideia. A diferença é que hoje em dia muita gente vai compor já pensando em fazer um hit, com a mentalidade do tipo: ‘é, eu preciso de um hit pra arranjar uma turnê’. A diferença é que se este é o seu plano, ele não vem do seu coração, e eu acho isso um pouco enganoso. Eu vou apenas criar. Se uma faixa faz mais sucesso que a outra, não significa que eu planejei que ela tocasse no rádio”.

Steve ainda falou sobre sua carreira solo, sua relação com o Creamfields, a turnê do novo álbum e a influência religiosa em sua obra. A entrevista completa está disponível no site da Mixmag.

LEIA TAMBÉM:

Escute “Human”, novo álbum de Steve Angello

Steve Angello confirma turnê do Swedish House Mafia em 2019

Steve Angello detona geração atual de rappers

Steve Angello explica por que substituiu Brandon Flowers por Sam Martin em canção de “Human”

RECEBA NOVIDADES NO E-MAIL

Deixe um comentário

Notícia

deadmau5 lança 2º volume da coletânea “mau5ville” e novo vídeo bizarro

Compilação da mau5trap ganha novo volume com nove faixas inéditas

Phouse Staff

Publicado há

mau5ville 2
Foto: Reprodução

O deadmau5 anda numa espécie de “rehab” pra tratar da sua saúde mental, o que o tem mantido distante das redes sociais, mas não de suas gigs e, pelo visto, nem de seus lançamentos. Quatro meses depois de trazer o primeiro volume (ou “Level 1”) de sua nova coletânea, mau5ville, o ratão apresentou nesta sexta-feira, 16, a continuação da parada, com o “Level 2”.

Além da compilação, que traz mais uma vez collabs inéditas, remixes e faixas solo dele e de alguns nomes do roster da mau5trap, o artista também já aproveitou pra soltar o vídeo da primeira faixa, “Drama Free”, com a cantora e compositora Lights. O vídeo é uma espécie de continuação da loucurada em computação gráfica que vimos em “Monophobia”, faixa com o Rob Swire que, por sinal, abria justamente a mau5ville: Level 1

 
 

+ CLIQUE AQUI para ler mais notícias sobre o deadmau5

Continue Lendo

Brand Channel

Deep, acid e tech house folclórico; confira os 3 novos sons da Alphabeat

Kiko Franco e Woak com gringos, collab entre namorados e Dudu Linhares e ChampZ são a bola da vez na gravadora

Alphabeat Records

Publicado há

Alphabeat
O casal Camila Yoshida e Lipe Forbes no estúdio. Foto: Divulgação

Mais uma sexta-feira, mais uma vez que a Alphabeat vem com três lançamentos de uma vez — e os três bem diferentes entre si.

“Swim” é o resultado da parceria de Kiko Franco e WOAK com o inglês Sylvain Armand e a voz do australiano Nick Kingswell (Austrália), que deu origem a esse deep house harmônico e irado, com elementos e personalidade de cada artista envolvido.

 

Subimos o BPM com “Dance the Dance”, uma collab entre Lipe Forbes e sua namorada, Camila Yoshida. Trata-se de uma música romântica, mas agitada e enérgica, com pitadas de acid e electro house, grooves disco e vocais do casal modulados com vocoder, à lá Daft Punk.

 

Por fim, “La Grega” é mais um trabalho autoral de Dudu Linhares em parceria com ChampZ — olha ele aqui de novo! —, depois de um bom tempo de desenvolvimento em estúdio. A música mescla batidas de tech house com melodia e samples de música folclórica do leste europeu, além de alguns timbres de house music clássica.

  

+ CLIQUE AQUI para conferir mais conteúdo da Alphabeat Records

Continue Lendo

Phouse Tracks

RAAF – Infinity (Original Mix)

Phouse Staff

Publicado há

RAFF

O lançamento de hoje da Phouse Tracks é “Infinity”, uma bass house pegada do DJ e produtor RAAF.

A música está agora disponível para free download no Artist Union, no nosso SoundCloud e no Spotify.

RAAF é mais um projeto de Rafael Pereira Pires, o RaFelps, jovem carioca de apenas 17 anos responsável por alguns dos principais lançamentos da Phouse Tracks. O garoto — que, por sinal, lançou conosco na semana passada — possui esse outro projeto paralelo, voltado a frequências mais graves.

Como RAAF, tinha lançado apenas bootlegs para faixas como “Tem Café”, do Gaab com o MC Hariel, e “Make It Bun Dem”, do Skrillex.

Siga e ouça também a playlist com todos os nossos lançamentos:

+ CLIQUE AQUI para conferir mais lançamentos da Phouse Tracks

Continue Lendo

Publicidade

Brazillian Bass 300×250
Sundance (300×250)
Injeção Eletrônica 300×250

Facebook

PLAYLIST

Trending

-->

Copyright © 2018 Phouse

Translate »
Injeção Pop Up