Em nova entrevista, CEO fala sobre EDC e sua paixão pelos festivais

Pasquale Rotella conversou com a Forbes

Tudo tem um começo, meio e fim, mas a era dos festivais parece que não tem data para acabar e vive atualmente seu melhor momento, segundo o CEO da Insomniac Events, Pasquale Rotella.

Em entrevista à Forbes, ele falou sobre seu pioneirismo na época em que não existiam festivais na América, há mais de 25 anos, e que fundou a empresa em 1993 pelo seu amor por festas e também pela “morte do underground”. Embora ele tenha consciência de que a EDM não seja mais tão comercial como há três ou quatro anos, os eventos da Insomniac continuam a atrair multidões. O último EDC em Las Vegas, por exemplo, reuniu mais de 450 mil pessoas.

Pasquale
Foto: Reprodução

Ao ser questionado pelo entrevistador Steve Baltin sobre o que mantém as coisas frescas e desafiadoras para ele, Rotella responde: “Preciso estar entretido. Construí esses eventos para mim e claro, pensando nos outros. Mas como sou fã, eu faço como eu gostaria que eles fossem se eu pudesse ser um dos participantes”. É assim que tecnologia, arte, cultura, novas músicas e ideias sempre se renovam em suas festas de forma inovadora.

Mesmo após quase 30 anos e a construção de um negócio gigante, Rotella diz que ainda se sente o mesmo: “Estou muito animado. A ideia de levar as coisas para outro nível é emocionante. Eu quero e faço tudo o que puder para que isso aconteça”, explicou, dizendo que não gostaria de ir ao mesmo EDC ano após ano.

Em outro ponto da entrevista, o big boss da Insomniac fala sobre Alison Wonderland, artista que se tornou uma das estrelas do cenário: “Fico muito animado em presenciar a evolução dela. Tenho visto muitas carreiras crescerem e me sinto parte de muitas dessas por ter essa plataforma. Poder colocá-las na frente de tantas pessoas é uma bênção”.

Rotella termina a entrevista com sua própria visão do contexto atual, dizendo que seus eventos não param de crescer. “As pessoas por aí estão realmente interessadas nisso. Houve uma explosão da dance music anos atrás que a deixou muito na moda. E isso passou. O estranho é que não ficou menor para nós, ficou maior. Há menos pessoas envolvidas no setor e ficou menos popular comercialmente, mas estamos melhores do que nunca”, finaliza.

  • Patrocinado:Clique aqui para inscrever-se no Burn Residency 2019 e ter a oportunidade de alavancar a sua carreira.

Set alternativo de Alison Wonderland no EDC é disponibilizado em site pornô

Com piadas de duplo sentido, a performance secreta de house da DJ caiu no PornHub

Ontem à noite você pôde conferir aqui na Phouse diversos vídeos com algumas das principais apresentações que rolaram nesse final de semana no EDC Las Vegas. Uma delas, entretanto, se destacou das demais por uma escolha de plataforma, digamos, não muito convencional.

O show principal da DJ, produtora e cantora australiana Alison Wonderland foi upado normalmente no YouTube, mas a artista também mandou um set extra neste ano — secreto, longe do palco principal e da bass music que a consolidou como um ícone internacional. Realizado em um dos “art cars” que desfilavam na Motor Speedway, Alison fez um set alternativo de pura house music. E pra coroar a performance diferentona, o vídeo foi upado no PornHub.

LEIA TAMBÉM:

Postado por um usuário chamado Chasefromtwitter — que parece ter criado a conta apenas para subir esse vídeo —, não está claro se a ideia partiu da própria Alison, que de qualquer forma curtiu a brincadeira e promoveu o vídeo em suas redes sociais. O título do vídeo, que tem quase uma hora de duração, também chama a atenção: “Australian woman fucks crow up on a spiritual level” (algo como “australiana fode a plateia em um nível espiritual”). “Fuck me up on a spiritual level” (“me coma em um nível espiritual”) é uma frase famosa da DJ, retirada da letra de sua música “Happy Place”, e usada em diversos contextos por ela.

Além disso, é engraçado observar algumas tags de duplo sentido usadas no upload: “Babe” (“gata”), “Fetish” (“fetiche”), “Hardcore”, “Party” (“festa”), “Public” (“em público”), “Solo Female” (“mulher solo”). Você pode assistir a essa putaria toda no player abaixo. Só não esqueça que, no fim das contas, você está navegando em um site pornô.

Assista a sets do EDC Las Vegas 2019

Tiësto, Steve Aoki, Gareth Emery e outros nomes subiram seus sets no YouTube

Como de costume, alguns dos DJs que mandaram ver no EDC estão subindo as gravações de seus sets em seus respectivos canais no YouTube. Até este momento, encontramos as apresentações de Tiësto, Steve Aoki, Gareth Emery, Tritonal, Ekali e Giuseppe Ottaviani upadas oficialmente.

Entretanto, outros canais, como o TEKTRONIX, têm subido diversos outros sets. Como os registros não são oficiais, a qualidade acaba não sendo tão boa, e inclusive os vídeos podem acabar sendo posteriormente excluídos por não serem autorizados. Assista abaixo:

Vídeos não oficiais:

https://www.youtube.com/watch?v=5gPgmqX7kbk&t=29s
https://youtu.be/OufdswSExAg
https://www.youtube.com/watch?v=spOBIkixYNQ
https://www.youtube.com/watch?v=qFk3uOPHorc
https://www.youtube.com/watch?v=lTNh2oSdTtA
https://www.youtube.com/watch?v=1I_hjZqkaQI
https://www.youtube.com/watch?v=R49a69ca8OQ
https://www.youtube.com/watch?v=eS4Xjaa9xaY
https://www.youtube.com/watch?v=fKIchXfQ2ls
https://www.youtube.com/watch?v=0AQL7VRAI3g
https://www.youtube.com/watch?v=PTOOInjod-Y
https://www.youtube.com/watch?v=E_g7DoKDprI
https://www.youtube.com/watch?v=cIWCHOXxPgM

Veja o lineup completo do EDC Las Vegas 2019

ANNA e Bruno Martini são as atrações brasileiras do rolê

O time para o Electric Daisy Carnival deste ano está fechado. São cerca de 200 nomes, incluindo os brasileiros ANNA e Bruno Martini.

Gigantes internacionais, como Above & Beyond, Adam Beyer, Alan Fitzpatrick, Alesso, Alison Wonderland, Aly & Fila, Amelie Lens, Artbat, Black Coffee, CamelPhat, Charlotte de Witte, Claude VonStroke, David Guetta (de volta ao festival depois de sete anos), deadmau5, Dillon Francis, Diplo, Don Diablo, Eric Prydz, FISHER, Joseph Capriati, Justin Martin, Kaskade, Martin Garrix, Paul Oakenfold, Salvatore Ganacci, San Holo, Sander van Doorn, Tchami X Malaa e TOKiMONSTA, estarão presentes.

Confira:

Foto: Reprodução

Além disso, o CEO Pasquale Rotella anunciou recentemente em seu Instagram que a edição de Orlando vai ganhar um dia a mais, ocorrendo entre 08 e 10 de novembro.

O EDC Las Vegas rola no Las Vegas Motor Speedway, entre os dias 17 e 19 de maio.

Ultra é o festival mais transformador desde o Woodstock, diz pesquisa

Estudo da Cloud Cover Music analisou as preferências de frequentadores de festivais de música

Uma pesquisa encomendada pela companhia americana de music branding Cloud Cover Music revelou que o Ultra Music Festival é o evento mais transformador para as pessoas desde o Woodstock — clássico festival de rock dos anos 60, que está prestes a ser relançado.

O estudo foi feito com uma amostra de 665 pessoas, que tinham que responder quais festivais de música frequentaram, e destes, quais foram “life-changing experiences”, isto é, experiências transformadoras. Em primeiro lugar está o Woodstock, que, para 82,4% dos seus frequentadores, foi transformador (entretanto, apenas 17 dos 665 participantes da pesquisa estiveram nele).

Em segundo lugar, temos o UMF, que foi considerado uma experiência transformadora por 78,4% dos participantes. Logo na sequência, temos EDC (74,5%), Burning Man (73,4%), Austin City Limits (66,1%), Coachella (63,0%) Lollapalooza (56,6%), Bonnaroo (55,8%), SXSW (54,7%) e Warped Tour (43,8%).

Foto: Cloud Cover Music/Reprodução

A pesquisa ainda analisou quais as cinco atrações mais marcantes (respectivamente, Red Hot Chili Peppers, Jane’s Addiction, Kendrick Lamar, Beyoncé e Tiësto) e fatores como substâncias entorpecentes consumidas, comportamento e diferenças entre as décadas.

O Burning Man, por exemplo, mostrou-se ser o festival com o maior consumo de álcool e drogas (45%), assim como foi considerado tanto o melhor evento para se fazer novos amigos, como o que traz a pior qualidade musical.

Você pode conferir a pesquisa na íntegra no site da Cloud Cover Music.

Coreia do Sul receberá sua primeira edição do EDC

Festival ainda não tem lineup nem datas definidos

O já colorido parque de Seoul Land ganhará ainda mais vida, música e diversão no próximo ano. A Insomniac anunciou que, pela primeira vez, a Coreia do Sul receberá o renomado festival Electric Daisy Carnival, em Seul.

O fundador e CEO da Insomniac, Pasquale Rotella, disse algumas palavras em um comunicado à imprensa: “Neste momento, há uma energia em torno da dance music na Coreia do Sul que nos inspira a levar o EDC para lá. Temos um ótimo local, um parceiro incrível e uma comunidade que está abraçando a cultura eletrônica de uma forma animadora”.

O festival vem de um ano de muito sucesso com outras edições ao redor do mundo, como foi em Orlando, Las Vegas, Tóquio e nas cidades chinesas de Guangdong e Shanghai. Vale lembrar que o mercado asiático vem crescendo muito em relação à dance music, e uma edição do EDC na Coreia ratifica essa expansão.

Ainda sem lineup e datas definidas, a edição possui um hotsite onde mais informações podem ser conferidas.

LEIA TAMBÉM:

Conquistando a Ásia: DJs brasileiros falam sobre o novo polo da música eletrônica

Linha dura: DJs foram proibidos de usar “linguagem ofensiva” no EDC China

Confira o trailer do EDC Las Vegas 2019

Às vésperas do EDC, Insomniac lança compilação

Ultra Taiwan anuncia sua própria criptomoeda

Linha dura: DJs foram proibidos de usar “linguagem ofensiva” no EDC China

Artistas foram ameaçados com detenção policial

Nem todos sabem, mas a China possui um governo autoritário e bem rigoroso quando o assunto é a (falta de) liberdade de expressão (no início do ano, inclusive, falamos aqui sobre como a cultura hip hop vinha sendo perseguida no país). Agora, o episódio é outro. No último festival de música eletrônica realizado no país, o EDC, não foi o público que passou por uma situação infeliz em relação a isso, mas os próprios artistas.

Conforme imagem publicada no Stories de Tiësto — e repercutida pela imprensa internacional —, a organização enviou uma notificação que instruía os DJs a não usarem qualquer tipo de “linguagem ofensiva”; caso contrário, enfrentariam problemas com a lei.

“Cuidado. Sem palavrões ou linguagem ‘pesada’ no microfone durante sua apresentação de hoje, ou você corre o risco de ser detido pela polícia local. Você foi avisado!” Foto: Reprodução

Ao que parece, nenhum DJ “saiu da linha” ao usar o seu microfone, já que nenhum incidente foi registrado. Já imaginou como seria a cena vendo artistas como Zedd, Dimitri Vegas & Like Mike, Infected Mushroom ou Steve Angello sendo levados do palco pela polícia ao gritarem “Put Your Fucking Hands Up”?

Alguns artistas se posicionaram sobre o comunicado através do Twitter:

“Essa turnê realmente me fez dar valor à nossa liberdade. Isso é realmente assustador em outras partes do mundo.”
“É… 100% de certeza que eu teria sido preso”, brincou JAUZ.

A segunda edição do EDC China rolou em Cantão (Guangdong), nos dias 24 e 25 de novembro.

LEIA TAMBÉM:

Cultura hip hop é banida da televisão chinesa

Documentário mostra o cenário da música eletrônica na China

Conquistando a Ásia: DJs brasileiros falam sobre o novo polo da música eletrônica

A quem importa o ranking da DJ Mag?

Por favor, alguém traga este filme e estes DJs iranianos para o Brasil

Confira o trailer do EDC Las Vegas 2019

Venda dos ingressos abre nesta sexta-feira

Nesta semana, a organização do Electric Daisy Carnival soltou o trailer oficial para a edição do ano que vem. Com quase oito minutos de duração, o vídeo mostra toda a vibe enérgica do evento, que mistura acampamento de verão, música eletrônica, performances artísticas, instalações e conceito circense.

Nesta quarta-feira, 26, a partir do meio-dia de Las Vegas (16h em Brasília), o famoso CEO do rolê, Pasquale Rotella, vai responder perguntas dos fãs no Reddit, através deste link.

O EDC 2019 rola mais uma vez no Las Vegas Motor Speedway, entre os dias 17 e 19 de maio. A venda dos ingressos começa nesta sexta-feira, 28, a partir das 10h PST (14h em Brasília), pelo site oficial.


Tracklist:

  1. Dombresky + Tony Romera – “ID”
  2. Tommy Trash, Nick Catchdubs – “OMG” (feat. Moosh & Twist)”
  3. AC Slater – I Wanna Show You
  4. FM-3 – Non Stop (Guau Remix)
  5. Chris Lorenzo – “Moogy”
  6. Haus of Panda – “Back 2 the Sound”
  7. Sudden Death & AFK – “BZZRK”
  8. Seven Lions, Tritonal, & Kill The Noise – “Horizon” feat. Haliene

LEIA TAMBÉM:

Às vésperas do EDC, Insomniac lança compilação

Novo trailer do EDC Las Vegas foca em inclusão: “Todos são bem-vindos”

Pasquale Rotella promete “grandes mudanças” para o EDC Las Vegas

Às vésperas do EDC, Insomniac lança compilação

Disco traz 28 músicas de nomes como Kaskade, Vini Vici e Chris Lake

Como de praxe, às vésperas de mais uma edição do EDC Las Vegas, a Insomniac Records lançou um disco que compila faixas de diversas atrações do festival. Chamada Insomniac Records Presents: EDC Las Vegas 2018, a VA traz 28 músicas de artistas como Kaskade, Vini Vici, Chris Lake, Sinden e Will Clarke, servindo tanto para aquecer para o evento quanto para conhecer alguns nomes novos.

O EDC Las Vegas 2018 rola entre os dias 18 e 20, na Motor Speedway, com transmissão ao vivo pelo site oficial.

+ CLIQUE AQUI para conferir o lineup completo e a divisão por palcos do EDC

Novo trailer do EDC Las Vegas foca em inclusão: “Todos são bem-vindos”

O festival rola entre 18 e 20 de maio, na Las Vegas Motor Speedway

A Insomniac Events publicou ontem (21) o trailer da próxima edição do Electric Daisy Carnival, que rola em maio, em Las Vegas. Com pouco mais de três minutos, o vídeo foca em conceitos que sempre estiveram atrelados à cultura das pistas de dança: inclusão, igualdade, respeito e amor.

“Você não está sozinho”, diz a narração. “Tantos tipos diferentes de pessoas que se reúnem como se fossem um só, sob o ‘electric sky’, para celebrar a liberdade, a alegria, para se conectar com a música e com os outros.”

+ CLIQUE AQUI para conferir o lineup completo e a divisão por palcos do EDC

Com cenas de edições anteriores, mostrando não só a diversidade de ambiências do festival, como sobretudo a diversidade de pessoas, o filme também chamou a atenção por incluir um beijo gay e falar diretamente com esse público — algo que poderia ser trivial e passar batido, mas que se destaca justamente porque, nas campanhas promocionais desses grandes festivais de dance music, ainda é incomum.

“Todos são bem-vindos aqui. Não importa quem você é ou da onde veio; não importa a cor da sua pele; não importa se você é ‘L’, ‘G’, ‘B’, ‘T’, ‘Q’, ‘I’ ou ‘A’, ou quem quer que você escolha ser”, continua o texto. Um usuário do YouTube chegou a agradecer nos comentários: “Obrigado, Pasquale [Rotella], por incluir um pouco de amor LGBTQ num vídeo da Insomniac. Tenho frequentado seus eventos por anos e ainda não sentia que minha comunidade estava sendo devidamente abraçada nos trailers. Esperei muito tempo por isso!”.

“Você é o EDC, e está é a sua casa”

EDC Las Vegas revela divisão do lineup em seus oito palcos

O festival rola em maio, na Las Vegas Motor Speedway

Depois de soltar seu lineup completo em fevereiro, a organização do EDC Las Vegas revelou agora como será a divisão dos artistas em seus oito palcos: Kinetic Field, HARD Fest, Circuit Grounds, Neon Garden, Quantum Valley, Basspod, Wasteland e Stereo Bloom.

São grandes nomes nos mais variados estilos eletrônicos, do techno ao trap e do hardcore ao dubstep. Confira a relação:

EDC Palcos

O Electric Daisy rola nos dias 18, 19 e 20 de maio, na Las Vegas Motor Speedway.

EDC Las Vegas, enfim, anuncia as esperadas mudanças

Depois de muito anunciar que anunciaria mudanças para o Electric Daisy Carnival do ano que vem, Pasquale Rotella enfim desembuchou. As principais novidades consistem em uma nova data: o EDC 2018 será nos dias 18, 19 e 20 de maio, uma semana antes do que costumava ser. Pensando no trânsito — uma dos principais problemas da última edição, marcado por congestionamentos e atrasos —, o festival terá agora um acampamento na Motor Speedway, em um local separado e com todo conforto. Serão criados “soundcamps” com espaços temáticos, lojinhas e afins — e até tendas com ar-condicionado estarão no pacote.

+ Pasquale Rotella promete “grandes mudanças” para o EDC Las Vegas

+ De Martin Garrix a Nicole Moudaber: confira mais de 20 sets do EDC

Também para a próxima edição, a área cosmicMEADOW irá receber cerimônias de abertura todos os dias antes dos portões se abrirem, criando mais uma solução para dispersar o tráfego intenso e concentrado de veículos. Quanto ao transporte oferecido pelo evento, este foi repassado para um terceiro — “uma empresa especializada nos maiores eventos de música e esporte no país”, segundo o anúncio oficial de Rotella.

Insomniac estuda mudar a data do EDC, segundo Pasquale Rotella

Durante o último Electric Forest, o CEO da Insomniac Events, Pasquale Rotella, alegou que haveria grandes mudanças para o próximo Electric Daisy Carnival, principal evento da produtora.

Mais recentemente, em entrevista ao Las Vegas Review Journal, o CEO cogitou mudar a data do EDC. “Já exploramos várias opções de data, mas nenhuma decisão foi feita. Podemos acabar fazendo o evento novamente em junho, mas estamos considerando a possibilidade de mudança”, disse Rotella.

O EDC já é marcado para o período da noite, tendo em vista as temperaturas muito elevadas na região do Las Vegas Motor Speedway. Neste ano, houve muitas chamadas médicas, além da infeliz morte de um frequentador, aparentemente por desidratação.

+ Pasquale Rotella promete “grandes mudanças” para o EDC Las Vegas

+ Homem morre no EDC com temperatura corporal elevada

Pasquale Rotella promete “grandes mudanças” para o EDC Las Vegas

O Electric Daisy Carnival deste ano foi um divisor de águas para a Insomniac Events. Foram quase 140 mil pessoas por dia durante três dias e não faltaram problemas para resolver ao longo do festival.

Apesar de toda preparação envolvida, houve dificuldades com o trânsito na região e também com o sistema de shuttles, que este ano foi feito pela própria Insomniac, em vez de serviços terceirizados. Porém as mais de mil ligações solicitando atendimento médico, além de uma infeliz morte supostamente causada pelas elevadas temperaturas, voltaram a atenção da produtora de eventos para redução de danos.

+ Produção do EDC se pronuncia sobre morte de frequentador

O CEO da Insomniac, Pasquale Rotella, dificilmente foge da raia, e além de ter se pronunciado sobre os problemas o EDC deste ano, recentemente fez uma transmissão ao vivo no seu Instagram durante o festival Electric Forest, e disse que “grandes mudanças” no EDC Las Vegas estão por vir. “Eu vou anunciar as mudanças para o EDC Las Vegas em breve. Estou rabiscando algo aqui no EForest”, comentou. “Estive pensando a respeito e é hora de fazer algo diferente.”

Entre as possíveis novidades, as mais especuladas são uma possível mudança de local — o que ajudaria a amenizar o problema das altas temperaturas desérticas de Nevada — e a possibilidade do EDC se transformar em um festival com dois fins de semana. Esta ideia é cogitada ano após ano, mas muitos a desconsideram, tendo em vista que os ingressos deste ano não se esgotaram.

+ Mais confusão no EDC: DJ Khaled afirma ter sido sabotado

+ De Martin Garrix a Nicole Moudaber: confira mais de 20 sets do EDC

De Martin Garrix a Nicole Moudaber: confira mais de 20 sets do EDC

O EDC deste ano foi marcado por uma série de problemas — de uma morte a reclamações de boicote —, mas isso não significa que boa parte das cerca de 400 mil pessoas que estiveram presentes no Las Vegas Motor Speedway não curtiu muita música boa.

Confira alguns dos principais sets que rolaram no festival:

Zedd:

https://soundcloud.com/livesets2017/zedd-live-edc-las-vegas-2017

Hardwell:

https://soundcloud.com/livesets2017/hardwell-live-edc-las-vegas-2017-united-states-full-set?in=livesets2017/sets/edc-las-vegas-2017-united-states-day-1

Yellow Claw:

https://soundcloud.com/livesets2017/yellow-claw-live-edc-las-vegas-2017-united-states?in=livesets2017/sets/edc-las-vegas-2017-united-states-day-3

Galantis:

https://soundcloud.com/livesets2017/galantis-live-edc-las-vegas-2017-united-states-full-set

Don Diablo:

Dillon Francis:

Porter Robinson:

Martin Garrix:

https://soundcloud.com/livesets2017/martin-garrix-live-edc-las

Oliver Heldens:

https://soundcloud.com/livesets2017/oliver-heldens-live-edc-las-vegas-2017-united-states

Kygo:

https://soundcloud.com/livesets2017/kygo-live-edc-las-vegas-2017?in=livesets2017/sets/edc-las-vegas-2017-united-states-day-2

Major Lazer:

https://soundcloud.com/livesets2017/major-lazer-live-edc-las-vegas?in=livesets2017/sets/edc-las-vegas-2017-united-states-day-1

Nicole Moudaber:

https://soundcloud.com/livesets2017/nicole-moudaber-live-edc-las-vegas-2017-united-states?in=livesets2017/sets/edc-las-vegas-2017-united-states-day-1

Duke Dumont:

https://soundcloud.com/livesets2017/duke-dumont-live-edc-las-vegas

Laidback Luke:

Axwell /\ Ingrosso:

https://soundcloud.com/buzzlightyeardoesedm/axwell-ingrosso-live-edc-las-vegas-2017-full-set

Armin van Buuren:

https://soundcloud.com/livesets2017/armin-van-buuren-live-edc-las

Afrojack:

Mr Carmack:

https://soundcloud.com/livesets2017/mr-carmack-live-edc-las-vegas-2017-united-states-full-set?in=livesets2017/sets/edc-las-vegas-2017-united-states-day-2

GTA:

San Holo:

https://soundcloud.com/livesets2017/san-holo-live-edc-las-vegas?in=livesets2017/sets/edc-las-vegas-2017-united-states-day-1

Mija:

https://soundcloud.com/livesets2017/mija-live-edc-las-vegas-2017-united-states-full-set?in=livesets2017/sets/edc-las-vegas-2017-united-states-day-2

Alesso:

https://soundcloud.com/livesets2017/alesso-live-edc-las-vegas-2017

Tiësto:

https://soundcloud.com/livesets2017/zedd-live-edc-las-vegas-2017

Produção do EDC se pronuncia sobre morte de frequentador

O último EDC Las Vegas aconteceu nesse final de semana, e teve seu brilho ofuscado por diversos problemas — sobretudo a morte de Michael Morse, de 34 anos.

+ Homem morre no EDC com temperatura corporal elevada

A Insomniac Events, enfim, lançou uma nota referente ao caso:

“A morte inesperada de um pessoa amada é trágica, e enquanto a exata causa desta tragédia ainda é desconhecida, sabemos que a família e os amigos estão de luto. É com grande tristeza que enviamos nossos sentimentos e condolências aos entes queridos do homem que faleceu após o fim do festival.

Nosso plano de saúde e segurança é criado ao longo de vários meses com agências locais. Nossa equipe médica itinerante está disponível 24 horas por dia, sem custos, com os melhores médicos, enfermeiros, técnicos e paramédicos de emergência do país. Uma equipe de segurança completa e a polícia também estão disponíveis para todos os espectadores. Incentivamos todos a abordarem nossa querida equipe para pedir ajuda se necessário”.

Sobre o caso com o DJ Khaled — que alegou ter sido sabotado pela produção —, Pasquale Rotella, CEO e fundador da Insomniac, comunicou à Billboard ter sido um problema técnico fora do controle da produção.

Ele afirma que o “DJ Khaled chegou em tempo e pronto para agitar o público, mas problemas com o equipamento adiaram a apresentação. Mesmo com essas dificuldades técnicas ele subiu no palco e mostrou seu amor aos fãs”. Mesmo assim, o set de Khaled teve que ser diminuído, para não bagunçar o cronograma.

+ Mais confusão no EDC: DJ Khaled afirma ter sido sabotado

EDC Las Vegas 2017 é marcado por muita confusão

Aconteceu no último fim de semana o Electric Daisy Carnival, na Las Vegas Motor Speedway, e só na primeira noite 136 mil pessoas compareceram ao evento, fazendo do EDC o festival com maior público do ano nos EUA até o presente momento. Mas como nem tudo são rosas, infelizmente houve muitas reclamações com relação a organização do evento e dos serviços oferecidos, bem como vários atendimentos médicos e algumas prisões.

O canal 3 News reportou 443 chamadas, uma delas referente à condição médica pré-existente, e outras seis que necessitaram transporte até um hospital. Além disso, 118 atendidos foram dispensados e foram prestadas 29 queixas relacionadas a narcóticos. No sábado, segundo a polícia, houve menos atendimentos médicos, 305, com cinco pessoas sendo levadas ao hospital, e 28 prisões, sendo 27 relacionadas a narcóticos.

A Insomniac Events conseguiu lidar bem com os problemas médicos, e também havia preocupações relativas as suspeitas de que a Las Vegas Motor Speedway poderia ser alvo de um ataque terrorista, tendo em vista sua localização e o alto número de pessoas circulando diariamente pela área. Por issom os organizadores avisaram ao público com antecedência que reportassem qualquer atividade suspeita.

Além disso, um tópico se iniciou no Reddit com um espectador extremamente decepcionado reclamando que o transporte do evento estava com um atraso de mais de três horas, havia pessoas dormindo no chão, e estes haviam pago nada mais nada menos que 890 dólares por um passe VIP + transporte. Também houve problemas com o estacionamento.

Em meio ao turbilhão, o fundador do EDC, Pasquale Rotella, que não costuma fugir da raia, se posicionou através do seu Instagram. Ele disse que “este não é o nível de experiência que vocês merecem, e estamos trabalhando para consertar estes problemas. Mantenham as linhas de comunicação abertas. Se você tiver um problema ou pergunta, por favor nos informe através das mídias sociais”, deixando o público mais aliviado e os lembrando de que a equipe estava lá para ajudar.

https://www.instagram.com/p/BVd0Im2lmp6/

Estatisticamente, o número de prisões e chamadas médicas foram baixos, considerando o número massivo de pessoas atendendo ao evento. Não houve nenhuma fatalidade e nenhum dos hospitalizados está em estado crítico.

Transmissão ao vivo do EDC: confira os horários

Em homenagem ao EDC, Las Vegas renomeia um dos seus principais trechos

Transmissão ao vivo do EDC: confira os horários

Direto de Las Vegas, a Red Bull TV já está transmitindo o EDC, que começou hoje e segue até o domingo. Será possível assistir a shows de Alison Wonderland, Mr. Carmack, San Holo, Don Diablo e muitos outros.

Em homenagem ao EDC, Las Vegas renomeia um dos seus principais trechos

A transmissão acontecerá através da Red Bull TV pelo website oficial e também pelo app.

Abaixo, você pode conferir a programação do livestream:

* Os horários foram convertidos para o horário de Brasília (BRT UTC/GMT – 3 horas). Para os horários oficiais, acesse a programação no site da Red Bull

SEXTA FEIRA, 16 DE JUNHO

(DIA 1)

16:00
Will Sparks – 16:00

17:00
Nucleya – 17:15
San Holo – 17:30
Don Diablo – 17:50

18:00
GTA – 18:15
Cristoph – 18:40

19:00
Ghastly – 19:10
RL Grime – 19:30

20:00 AM
John Askew – 20:00
Illenium – 20:15
Jauz – 20:45

21:00
Major Lazer – 21:20
Nicole Moudaber b2b Chris Liebing – 21:45

22:00
Astrix – 22:15
Galantis – 22:30

23:00
Afrojack – 23:00
NGHMTRE – 23:30
Simon Patterson – 23:50

SÁBADO, 17 DE JUNHO

0:00
Audien b2b 3LAU – 0:10
Slushii – 0:25
Andrew Rayel – 0:40

1:00
Gryffin – 1:00
Trippy Turtle – 1:15

(DIA 2)

16:00
Autograf – 16:45

17:00
Jonas Blue – 17:00
Laidback Luke – 17:30
Wilkinson – 17:45

18:00
Louis The Child – 18:00
Tommy Trash – 18:15
Chase & Status – 18:45

19: 00
RÜFÜS DU SOL – 19:00
Sander van Doorn presents Purple Haze – 19:15
Duke Dumont – 19:30
Boombox Cartel – 19:45

20:00
Tiësto – 20:00
Alesso – 20:30
Valentino Khan – 20:45

21:00
Cut Snake – 21:05
SNAILS – 21:30
Dillon Francis – 21:45

22:00
Above & Beyond – 22:00
Alison Wonderland – 22:30
Datsik – 22:45

23
W&W – 23:00
Mr. Carmack – 23:15
Dirtyphonics – 23:30
Oliver Heldens – 23:45

DOMINGO, 18 DE JUNHO

0:00
Martin Solveig – 0:15
Mija – 0:30
Kungs – 0:45

1:00
Virtual Riot b2b Barely Alive b2b Dubloadz – 1:15

(DIA 3)

16:00
K?D – 16:30
BAGGI – 16:45

17:00
Firebeatz – 17:00
Black Tiger Sex Machine – 17:20
Gammer 17:40
Getter: 17:50

18:00
Slander – 18:10
REZZ – 18:40

19:00 PM
Wildstylez – 19:00
Gramatik – 19:15
Showtek – 19:40

20:00 AM
Coone – 20:40
Marshmello – 20:55

21:00
Seven Lions – 21:15
Yellow Claw – 21:45

22:00
Axwell ^ Ingrosso – 22:00
Alison Wonderland b2b Diplo b2b Jauz – 22:15
Da Tweekaz – 22:30
Ookay – 22:45

23:00
Excision – 23:00
Intermezzo East – 23:25
The Prophet – 23:45

00:00
Ephwurd – 00:00
Billy Kenny – 00:15
Vini Vici – 00:40
Miss K8 – 00:55

Em homenagem ao EDC, Las Vegas renomeia um dos seus principais trechos

Entre hoje e a próxima segunda-feira, 19, um pedacinho de Las Vegas vai ganhar um novo nome, em homenagem ao Electric Daisy Carnival. A “Strip” da cidade — trecho famoso que compreende em torno de sete quilômetros de sua parte mais efervescente, abrangendo diversos cassinos e hotéis (incluindo a célebre placa de “Welcome to Fabulous Las Vegas”) — passa a se chamar, dentro desse período, de Electric Daisy Ln., com direito a placa indicando a mudança.

Simbólico, o gesto revela o peso que a EDM representa para a cultura local.

Em sua 21ª edição, o EDC rola neste fim de semana, entre sexta e domingo, no Las Vegas Motor Speedway.

EDC no Reino Unido é cancelado este ano

Mais uma edição do gigante festival Electric Daisy Carnival (EDC) foi cancelada este ano. Após o fundador da Insomniac, Pasqualle Rotella, ter confirmado no final do ano passado a não edição da festa em Nova York, em depoimento ele disse agora que o evento no Reino Unido também não ocorrerá.

“Muito obrigado pelo suporte de vocês para o EDC UK. Estou escrevendo para deixar vocês sabendo que nossos esforços de fazer crescer e aprimorar o festival em Milton Keynes não se desenvolveram como eu esperava, e nós não seremos capazes de apresentar o EDC UK em julho de maneira que consiga alcançar todas nossas altas expectativas. Como resultado disto, estamos retirando os ingressos à venda e emitindo um reembolso a todos”, disse Pasqualle Rotella.

Ainda em depoimento, Rotella pediu desculpas aos admiradores do festival, mas justificou a decisão dizendo que precisa adiar o show até conseguir, juntamente com sua equipe, “reimaginar todas as áreas de experiência”.