Um EP especial: depois de 3 anos, Junior_C volta a lançar novas produções

Via D.O.C. Records, "Beloved" é a primeira expressão musical de um novo Junior_C

Foto: Gui Urban/Divulgação

A trajetória na vida e obra de Junior_C assumiu tom dramático quando, ainda em 2016, o promissor DJ da D.O.C. Records de Gui Boratto descobriu um tumor grave no cérebro. De lá pra cá — como você já pôde ler aqui —, o tratamento forçou o artista a dar uma pausa na carreira. E aos poucos, a vida vai voltando à normalidade de antes, embora não da mesma forma. “Tudo mudou, mas nada mudou”, como ele costuma dizer.

É por isso que o EP Beloved, lançado nessa sexta-feira, 02, pela D.O.C., é um lançamento muito especial. É o primeiro conjunto de inéditas produzidas depois da vida de Junior ter girado em 180º — em janeiro, a Warung Recordings lançou seu single “Wake”, faixa que, segundo ele, “já estava na gaveta há um tempo”. Sua última composição antes disso, portanto, foi “Coming Over”, que data de 2016.

Seguindo a linha do techno melódico, Beloved vem dividido em duas músicas — a faixa-título e “Hate:Love”, ambas instrumentais, harmônicas e profundas, sendo que a primeira é de certa forma mais tocante, sentimental, enquanto a segunda é mais afiada e sombria. “Minha relação com a música sempre foi profunda. A diferença agora é que eu não tenho mais ansiedade”, contou Junior à reportagem.

“Nesses anos longe do estúdio, cuidando da minha saúde, mudou completamente minha forma de me conectar com a música. É como se eu estivesse visitando os mesmos lugares, mas agora com novos olhos e ouvidos”, seguiu. O DJ também destaca que precisou se readaptar ao uso do computador.

“Wake” foi lançada em janeiro

“Senti um desconforto muito grande. Foram quase três anos sem produzir por conta das fortes de cabeça que eu sentia por causa da luminosidade da tela do computador, mesmo com night shift ligado. Não rolava, a cabeça doía e eu tinha que desligar o lap”, conta. Assim, além de ir aprendendo a respeitar seus novos limites físicos, ele também desenvolveu o hobby da escrita.

“As ideias borbulhavam na minha cabeça e não poder jogar elas pra fora foi foda, eu sentia uma puta agonia. A saída que encontrei foi com caneta e papel. Escrever se tornou uma nova paixão. Não sou lá grandes coisas com as letras, mas estou curtindo esse novo hobby”, continua.

+ LEIA TAMBÉM: Perto de nova edição da festa que mudou sua vida, Junior_C fala sobre cura e união

“Eu tenho um limite hoje para usar o computador, em torno de uma hora e meia. Quando começo a sentir aquela dor no fundo dos olhos, eu paro e preciso descansar por 20 ou 30 minutos, até me sentir confortável pra conseguir voltar”, detalha o DJ, que, por ter que seguir uma rigorosa disciplina de sono, só discoteca e produz durante os períodos da tarde e da manhã.

Assim, Beloved é uma amostra sonora dessa nova versão de Junior_C — sua primeira expressão musical desde que mudou fisica e espiritualmente, incluindo o processo de aprender a lidar com um novo estilo de vida. “A ‘Beloved’ expressa exatamente o que sinto no fundo meu coração. Gratidão pela vida!”, finalizou.

* Flávio Lerner é editor da Phouse.

Share on facebook
Compartilhar no Facebook
Share on twitter
Compartilhar no Twitter
Share on whatsapp
Enviar no Whatsapp

Quer aprender a produzir a sua própria música?

Compre agora o curso Make Music Now com 10% de desconto na inscrição e soundbank do Studio Tronnic para Sylenth1 grátis!.
ADVERTISEMENT

PHOUSE MUSIC
SPOTLIGHT