Yola

Yola é um dos mais recentes produtos da cena eletrônica underground de São Paulo. O projeto criado pelo artista Diogo Siqueira surgiu para o mundo em meados de 2016 e, mesmo sendo bastante novo no contexto da indústria brasileira, apresenta uma maturidade musical impressionante. Na última sexta, 18, o produtor lançou seu primeiro EP.

Avalo é assinado pela também paulista Primata Records, e traz uma faixa com o vocal da cantora Toshi. A artista sul-africana possui mais de dez anos de carreira, mas seu nome conquistou a indústria eletrônica em 2016, após o lançamento de “Buya”, de Black Coffee. Ela também assina os vocais de “Ngeke”, produção original de Armonica que ganhou fama pelo remix do duo alemão andhim.

A cantora Toshi. Foto: Reprodução

Em contato com a Phouse, o produtor explicou que conseguiu essa parceria de peso de modo inacreditavelmente simples: entrando em contato com Toshi e mandando a música. “Foi algo bem natural e espontâneo…Quando eu estava no meio do processo de produção da ‘Thando’, senti que queria um vocal feminino, algo que somasse ao campo melódico da música e ao mesmo tempo trouxesse emoção e uma mensagem”, explica.

“Enviei uma mensagem pelo Facebook e ela acabou me respondendo, falando que tinha gostado muito da música e que toparia fazer a collab. Continuamos conversando por WhatsApp para alinhar a composição. Por fim, os vocais acabaram sendo gravados em um estúdio em Joanesburgo, na África. Foi um grande honra contar com a voz dela”, conclui o músico. A parceria de peso logo no EP de estreia comprova todo o talento de Yola e dá o tom do que esperar de seu trabalho. Já em “Ama”, o vocal — também africano — foi sampleado.

A sonoridade do artista explora elementos orgânicos combinados de maneira criativa, e possui como fio condutor a alta carga emotiva, que desperta no ouvinte sensações mistas de felicidade e entrega. Yola deixa clara sua intenção de proporcionar uma experiência inusitada a quem o ouve, e é possível perceber a preocupação com o uso de cada elemento ao longo das produções. Vale destacar que o release possui uma forte carga emocional entregue pelo brasileiro, que dedicou o lançamento ao seu pai, falecido no ano passado.

Manoel Cirilo é colaborador da Phouse.

Receba novidades no e-mail

Receba o melhor da Phouse em seu email!

:::. ALEATÓRIAS / LEIA TAMBÉM

“Já nasceu pronto”; conheça Kallel, o DJ prodígio que vem encantando o Sul do Brasil

Com apenas dez anos de idade, Kallel segue os passos do pai, que garante, orgulhoso, o talento do menino

2º BRMC Diálogos será em Belo Horizonte; confira a programação

Evento vai rolar no dia 05 de junho, no Teatro Marília

5 sonzeiras de techno recomendadas por Anderson Noise

Expoente do techno nacional compartilhou cinco tracks com a Phouse

Perto do seu festival, Porter Robinson cria ONG para combater câncer na África

O Second Sky, que estreia neste final de semana, terá um espaço para promover a fundação

Confira as primeiras atrações confirmadas para o AMF Festival 2019

Quatro grandes DJs foram revelados neste momento

Progressive house: Nato Medrado lança EP com 3 originais

“Epopeia” saiu nas principais plataformas digitais nesta segunda-feira

Double MZK participa de “Encontro com Fátima Bernardes” nesta sexta-feira

Dupla vai ao ar em rede nacional para falar sobre o remix para Gabriel Elias

Joy Corporation fala sobre amadurecimento e mudança para SP

Um dos DJs mais tocados no Spotify em 2018, o mineiro Felipe Sabbá vem trabalhando para seguir crescendo

Techno segue como o gênero mais vendido pelo Beatport

Pelo quarto ano consecutivo

Conceituado engenheiro de áudio soma em 1º álbum de produtor de techno brasileiro

Em Berlim, VAntônio consegue o reforço de Hannes Bieger para finalizar “Humano”